quarta-feira, 10 agosto 2022
Tags Posts tagged with "Liniker"

Liniker

As primeiras letras de Liniker partiram de cartas antigas que ela escreveu e nunca enviou. No momento, em seu primeiro disco-solo, intitulado Indigo Borboleta Anil, a cantora e compositora compartilha as suas vivências do agora. Não é que ela não tenha olhado para o passado nessa nova construção, afinal a artista precisou se conectar com a sua ancestralidade para se colocar por inteira ao longo das 11 faixas que compõem esta estreia-solo.

Após dois anos longe dos palcos, a artista leva o repertório inédito para os palcos da Concha Acústica do Teatro Castro Alves, dia 08 de julho, às 19h.

“Senti tanta saudade do ao vivo, da vibração que a energia da música causa na frequência quando a gente se junta, daquele olho no olho que só quem viveu sabe…”, Liniker compartilha.

No show, que tem direção musical assinada pela própria Liniker ao lado de Julio Fejuca, a artista interpreta as novas canções, como “Baby 95”, “Mel” e “Diz Quanto Custa”, e também músicas que marcaram a carreira da artista.

 

SERVIÇO

O QUE: Liniker – Indigo Borboleta Azul Tour

QUANDO: 08/07/2022 ás 19Hs

ONDE: Concha Acústica do Teatro Castro Alves

CLASSIFICAÇÃO: 16 anos

Ingressos:

PLATÉIA – 1º LOTE R$80,00 inteira / R$40,00 meia

Pessoas Trans* – R$50,00 inteira / R$25,00 meia entrada.

*Lote Único promocional direcionado a Pessoas Trans. Benefício pessoal e intransferível.

 

CAMAROTE – R$120 inteira / R$60,00 meia

VENDAS:  SYMPLA e bilheteria do TCA

BILHETERIA FÍSICA

Liniker participa do Festival “MARSHA!Entra na Sala”

Muito mais do que um festival para promover entretenimento, engajar a saúde e segurança pública do país ao incentivar a permanência da população em casa, o Festival ‘MARSHA! ENTRA NA SALA’ chega para informar e produzir conteúdo visando o fortalecimento da comunidade LGBTQIA+ frente
a atual situação de crise global, apresentando pontos de vista diversos sobre o contexto político e social, por meio de talks, oficinas, música, arte e cultura.

O festival utilizará da economia criativa para gerar fomento e doações em apoio à comunidade LGBTQIA+ em situação de extrema vulnerabilidade que estão sendo afetadas pela pandemia do Covid-19.

Serão 20 horas de programação online em lives no YouTube e Instagram do Festival, nos dias 4 e 5 de abril (sábado e domingo) a partir das 15h.

Raquel Virginia, Assucena e Rafael Acerbi / As Bahias e a Cozinha Mineira

Na programação estão figuras emblemáticas da comunidade
LGBTQIA+ do Brasil, como a deputada estadual Erica Malunguinho, Linn da Quebrada, Liniker, As Bahias e a Cozinha Mineira, a estilista Vicenta Perrotta, Dudu Bertholine, Bixarte, Ventura Profana, além de DJ’s, youtubers, figuras políticas e personalidades de diferentes vertentes.

O festival é promovido pela MARSHA!, coletivo sociocultural idealizado pela Multiartista e Produtora Cultural Ana Giselle/TRANSÄLIEN, cujo nome é uma homenagem a Marsha P. Jhonson, mulher trans líder da revolta de Stonewall e ícone da resistência LGBT no mundo todo.

Erica Malunguinho

O coletivo promove ações afirmativas para a população Transgênera desde 2018 na cidade de São Paulo.

O mote da iniciativa é fomentar um FINANCIAMENTO COLETIVO, cuja arrecadação será dividida entre as mais de 50 participantes do festival e outra parte destinada para pessoas LGBTQIA+ em situação de vulnerabilidade social mais afetadas pela atual situação de pandemia global, através
da parceria com a Organização Casa Chama, que já vem trabalhando com a população trans, totalizando mais de 300 ações, só em 2019. Além da Casa Chama, o Festival também conta com o patrocínio da loja Translúdica.com

As lives acontecerão nas redes da MARSHA! no Instagram @festivalmarshaentranasala e YouTube.

Acompanhe, doe e divulgue as hashtags #FestivalMarshaEntraNaSala
#MarshaLGBTonline

#MarshaOn para participar dessa rede de afeto e solidariedade.

Lançado oficialmente  nessa sexta(16) nas principais plataformas de vendas on line de músicas o CD Remonta, de Liniker e os Caramelows, será apresentado ao público soteropolitano no dia 11 de outubro, véspera de feriado, no Centro Histórico. A apresentação acontecerá às 20h no Largo Tereza Batista no Pelourinho e terá como abertura do DJ Mauro Telefunksoul.

Em seu primeiro álbum de carreira, Liniker que surgiu no mercado fonográfico com um EP intitulado “CRU” em 2015, chega com intensidade e identidade em Remonta, concepção possível através da campanha de financiamento coletivo no Catarse.

“Caeu”, “Zero” e “Louise du Brésil” foram regravadas com novos arranjos pela banda formada por Liniker Barros (voz), Rafael Barone (baixo), William Zaharanszki (guitarra), Pericles Zuanon (bateria), Márcio Bortoloti (trompete) e Renata Éssis (backing vocal).

Remonta conta com a brilhante produção Marcio Arantes, trazendo as conhecidas faixas do EP de estreia (e outras já cantadas nos shows) com uma nova roupagem, como se elas tivessem sido, de fato, remontadas. São 13 faixas sendo algumas músicas inéditas gravadas. É o caso de “BoxOkê”, que foi registrada com a rapper Tássia Reis e a banda instrumental Aeromoças e Tenistas Russas.

SERVIÇO:

O QUE: Liniker e os Caramelows | Show de lançamento – CD Remonta/ DJ Mauro Telefunksoul

QUANDO: 11 de outubro de 2016 (terça-feira, véspera de feriado) 20h

ONDE: Largo Tereza Batista – Pelourinho, Salvador

QUANTO: 1º Lote – Inteira R$60, Meia-entrada R$30 / Camarote by Uran Rodrigues  (100 pessoas) – R$80

ONDE COMPRAR: Sympla
– Loja Colomy Brothers (Rio Vermelho), a partir do dia 20/09
– Loja Somos Coletivo Criativo (2º piso do Shopping da Bahia), a partir do dia 20/09

Dia 1º de julho, Liniker e os Caramelows, Tássia Reis e As Bahias e a Cozinha Mineira estreiam a curta turnê do projeto Salada das Frutas em Salvador, que contemplará apenas cinco capitais brasileiras, e teve uma prévia avassaladora no Vento Festival em Ilhabela, São Paulo no começo de junho deste ano.

Além de ser uma festa com todo o fervo e “lacração”, a Salada das Frutas é um encontro de atitudes e de posicionamentos sociais e políticos, a celebração do orgulho e da identidade de cada um, protagonizados por artistas novos que propõem a desconstrução de conceitos para a construção de um novo cenário musical.

Em tempos de fundamentalismos e intolerância, mesmo em pleno século XXI, em que testemunhamos barbaridades como a violência moral e física a pessoas da comunidade LGBT de um modo geral, artistas com identidade marcantes, tem se destacado pelo país, levantando a questão do gênero na sociedade, com muita originalidade, diversidade artística, qualidade e propriedade, culminando em projetos como o Salada das Frutas.

Na edição de Salvador, a black music e a música contemporânea de Liniker, o rap jazz da cantora Tássia Reis e a sonoridade luxuosa e sem amarras do grupo As Bahias e a Cozinha Mineira se unem ao som black dançante do DJ e produtor musical Mauro Telefunksoul. O evento acontece na véspera do feriado, dia 01 de julho a partir das 22h no Barra Hall.

SERVIÇO

O QUÊ: SALADA DAS FRUTAS em SALVADOR

QUEM: Liniker e os Caramelows, Tássia Reis e As Bahias e a Cozinha Mineira, e o DJ Mauro Telefunksoul

QUANDO: 1º de julho de 2016 (sexta-feira), às 22h00.

ONDE: Barra Hall – Barra

QUANTO:

  • Lote promocional e ingressos especiais* – Inteira R$ 40, meia-entrada R$ 20
  • 1º Lote – Inteira R$ 60, meia-entrada R$ 30
  • 2º Lote – Inteira R$ 80, meia-entrada R$40
  • Meia Social – preço único R$ 40 + 1kg de alimento não perecível a ser doado para o CBAA (Centro Baiano AntiAIDS)

* Ingressos liberados por e-mail para participantes de eventos anteriores da produtora

ONDE COMPRAR: Sympla: https://www.sympla.com.br/salada-das-frutas-em-ssa__72628

  • Colomy Brother’s Co: Rua Oswaldo Cruz, 22, Rio Vermelho
  • Somos Coletivo Criativo: 2º piso do Shopping da Bahia

 

Só agora consegui ter fôlego, para descrever um pouco das sensações do show histórico e enlouquecedor de Liniker em Salvador. Pela primeira vez em solo baiano, o cantor do interior de São Paulo, da cidade de Araraquara, conquistou o Brasil de forma avassaladora, com a sua voz de protesto, de luta contra os estereótipos tidos como normais pela sociedade, apresentando um show pulsante, transbordando de pura energia e suor.

Ê Bahia, quanta maravilhosidade, quanta energia foda!Obrigado! Ontem foi mágico” escreveu Liniker em seu post no instagram, agradecendo o carinho recebido na capital baiana.

IMG_0099

Com traje branco, calça boca de sino desenhando o corpo esguio, uma bata curta, colar e par de brincos imensos, Liniker chegou ao Pelourinho, Centro Histórico, para apresentar o espetáculo com os sucessos do seu primeiro Ep, “CRU”, lançado em 2015 e as conhecidas através das redes sociais e da internet, pertencente ao segundo álbum “Remonta”, ainda sem data de lançamento, contendo algumas músicas, tendo entre elas algumas que em pouco tempo. atingiram marcas respeitosas, como os mais de dois milhões de visualizações no Youtube em Zero ou 700 mil em Caeu.

IMG_0006
Renata Éssis com decor da Somos Coletivo Criativo, Shopping da Bahia

IMG_0021

IMG_0030
Liniker e Os Caramelows, ao lado de Érica Saraiva, usando colar e macacão Mônica Anjos e lindo turbante by Afro Jhow

Já no camarim, Liniker foi surpreendido com mimos da Somos – Coletivo Criativo, loja localizada no Shopping da Bahia, responsável por manter o clima e estilo do espaço, com azulejos contendo fotos de personalidades fortes como Nina Simone e Elza Soares, inspirações de Liniker, feitos pela Person Azulejos, abajur da Amores da Matilda, minibloco da Carpina, todo o carinho e cuidado nas peças e decor de Nanda e Michele Diniz da Velkro ,  além das delicias da Padaria Ribeiro e delivery Mega Cook.IMG_0025

Mas foi logo na abertura do show com Remonta, mais novo hit do cantor que dá nome ao seu segundo álbum, que a Praça Tereza Batista, gritava o seu nome, que não contido de emoção, cantava envolto de arrepios evidentes. Foram quase um mil e duzentas pessoas, que “lacraram” muito, cantando todas as músicas e apreciando o espetáculo e o show de reafirmação do poder feminino, da igualdade dos gêneros, em prol da boa música. Um dos momentos sensacionais do show, foi sem sombra de dúvidas, a “Oração do Lacre”, recitada pela backing vocal, Renata de Éssis, uma verdadeira aula de auto estima.

IMG_0155

Oração do Lacre
Oração do Lacre

Com influências que vão desde Etta James, bem como Tim Maia e Caetano Veloso, o artista apresentou um projeto musical que conecta a black music à música contemporânea brasileira, com composições autorais em português que trazem como tema central as relações humanas e o amor. A produção local levou assinatura do selo Inspire Music e as produtoras  Let’s Gig e  Ruffo Marketing Cultura e Arte. Confira através das fotos de Heder Novaes alguns desses memoráveis instantes.

IMG_0306
Liniker e Os Caramelows em Salvador

IMG_0179 IMG_0191 IMG_0200 IMG_0203

 

Deixa eu bagunçar você“, sugere um dos grandes nomes na atualidade da Black Music, o paulistano Liniker com os seus 20 e poucos anos de vida, que mais parece ter uma maturidade de veterano. De batom, saia e toda sua androginia, o cantor de Araraquara, usa a música como forma de protesto, um grito sobre as questões de gênero, liberdade e aceitação.

Pela primeira vez em Salvador, Liniker chega acompanhado da sua banda Os Caramelows, para uma apresentação que conecta a música negra à música contemporânea brasileira, com composições autorais em português que trazem como tema central as relações humanas e o amor.

Com três canções no seu primeiro e único álbum, o EP “CRU”, lançado em outubro de 2015, o grupo chamou a atenção do público, imprensa e crítica,  tendo os vídeos de “Louise Du Brésil”, “Zero” e “Caeu” conquistado milhões de visualizações em poucos dias, marco que ele divide com a banda formada por Guilherme Garboso (bateria), Márcio Bortoloti (trompete/trombone), Paulo Costa (baixo), Rafael Barone (baixo/guitarra), Willian Zaharanszki (guitarra) e as backing vocals Barbara Rosa, Ekena Monteiro e Renata Santos.

Liniker e os Camralows
Liniker e os Caramelows

Prestes a lançar o seu primeiro álbum já entitulado “REMONTA”, Liniker e sua banda desembarcarão no palco do Largo Tereza Batista, no Pelourinho, em Salvador, no dia 22 de abril, numa produção do @inspiremusic.ba, da @ruffo.art e da Let’s GIG – Booking & Music Services. O primeiro lote de ingressos já está disponível para venda exclusivamente na plataforma online Sympla.

 

SERVIÇO

O QUE: Liniker e os Caramelows em Salvador
QUANDO: 22 de abril de 2016 (Sexta Feira), às 20h
ONDE: Largo Tereza Batista – Pelourinho
QUANTO: 1º Lote – Inteira R$ 40 / Meia Entrada R$ 20
ONDE COMPRAR: SYMPLA
CENSURA: 18 anos


SA Agência Digital