sexta-feira, 7 outubro 2022
Faccia Cure
Tags Posts tagged with "Igor Liberato"

Igor Liberato

O cantor, compositor e produtor Filipe Lorenzo abre a programação cultural do Bistrô das Artes desta semana, na quarta-feira, 27 de abril, com o Sarau do Bistrô. O artista une influências marcantes da música afro-baiana com elementos da contemporaneidade, sempre construindo pontes e levando sua canção a novos ambientes e imagens sonoras.

No show, às 20h, Filipe traz repertório com músicas do premiado álbum “Odisseia Baiana”, de 2016, e singles frutos de parcerias especiais, como a regravação de “Às Cegas”, de Luedji Luna e Emillie Lapa; a faixa “Ogã Mirim”, na qual divide os vocais com Antônio Carlos e Jocafi; e “Africanizar”, na qual colabora com Ian Lasserre e Mateus Aleluia.

Na sexta-feira, 29 de abril, Igor Liberato é a atração que comanda a trilha sonora da noite. Tido como um dos nomes mais interessantes da nova cena baiana, o cantor, compositor e produtor baiano traz repertório com referências do pop, rock, samba e MPB, às 20h.

O Bistrô das Artes funciona de quarta a domingo, das 12h às 21h, na Rua do Carmo, nº 8, no Santo Antônio Além do Carmo. Nos dias de atrações musicais, é cobrado um couvert artístico de R$ 20. Acompanhe @bistrodasartescarmo.

Inserido cada vez mais no universo do Santo Antônio Além do Carmo, o Bistrô das Artes passa a ser palco de uma programação cultural constante, que será iniciada na próxima sexta-feira, 8 de abril, com apresentação do cantor Igor Liberato, às 20h. Será cobrado um couvert artístico de R$ 20. A ideia é que diferentes manifestações culturais tenham espaço na casa, que funciona também como uma galeria de arte, com curadoria de Nino Nogueira.

Já estão confirmados o Sarau do Daniel, com Daniel Faria e Ana Barroso, no dia 13 de abril, e uma apresentação que mistura Bossa Nova e Jazz, no dia 14, reunindo o trio H+2R, formado por Hamilton Pamplona, Ricardo Melo e Rui Mantur.

O Bistrô das Artes funciona de quarta a domingo, das 10h às 21h, com opções que vão de brunch ao jantar, passado pelo almoço e happy hour. Acompanhe @bistrodasartescarmo.

O cantor e compositor Igor Liberato lançou “Gato”, seu primeiro álbum solo, em todas as plataformas digitais de música. “Gato” foi a primeira palavra pronunciada pelo artista, quando criança.

A estreia na comunicação oral é usada agora como analogia para anunciar a sua estreia com projeto solo. O álbum traz 11 faixas autorais, sendo quatro delas conhecidas pelo público, como “Samba Livre” e “Fala Bonito”.Todas as músicas foram produzidas pelo próprio artista em parceria com Carles Campi Campón, veterano produtor espanhol que acumula cinco Grammys Latinos na carreira.

Das inéditas, “Cafuné” realça a textura do álbum, que trafega harmonicamente entre Pop contemporâneo, Indie e música regional. A canção ganhou um clipe, dirigido pelo próprio artista, em parceria com Paloma Saavedra.

Capa

O trabalho é uma extensão do processo criativo de Liberato, que se apresentou com o single “Tudo Que Cê Gosta”, onde conseguiu imprimir a identidade de seu estilo musical, além de mostrar um pouco da estética que propõe. Essa identidade pode ser percebida também nos videoclipes, onde o multiartista assina como diretor criativo, ilustrador e participa da produção musical. Carles Campi Campón, a outra metade da produção musical, é colaborador da carreira do uruguaio Jorge Drexler e também assina a mixagem do disco.

Foto Rafa Ramos

Com um olhar sensível e introspectivo, Igor Liberato mergulhou na sua essência para resgatar sua história de forma lúdica. A faixa homônima abre o disco, com a fala de sua vó, dona Sônia, contando a história que originou o título.

Surpresas como essa podem ser esperadas ao longo das faixas, que foram cuidadosamente costuradas com interlúdios que convidam para um mergulho total na obra do artista. O clima é matinal, radiante, afetivo e tem o frescor de um artista que transita entre a maturidade e a ingenuidade, produzindo música contemporânea. O álbum flui com a personalidade de um jovem que não tem receio de experimentar.

OUÇA

SOBRE IGOR LIBERATO: O multiartista está na cena artística desde 2012. Liderou os grupos “OLiberato” e “Trago Seu Amor de Volta”. Abriu show do Rappa, SOJA, Skank, 5 a Seco, Nação Zumbi e Carlinhos Brown. Lançou a faixa “Bem Querer” com a conterrânea Illy e todos esses movimentos inseriram seu nome no crescente mercado de novidades soteropolitanas. De volta à carreira solo, Igor Liberato participa mais ativamente das construções dos arranjos, inaugurando os trabalhos como produtor, mais aberto à experimentação e consciente dos caminhos.

Mais informações: @igorliberatoigor


SA Agência Digital