quinta-feira, 18 abril 2024
Faccia Cure
Tags Posts tagged with "Afrocidade"

Afrocidade

Afrocidade

O grupo Afrocidade realiza uma edição especial do Afrobaile no pátio de evento do Santo Antonio, no sexta (21/07), às 21h00, em parceria com  O Kanalha, que convida a  Pablo Vittar, o grupo traz como convidados destaques da nova cena baiana Raonir Braz, Lion, Ursão Records 71, DJ Nai Kiese  no evento.

Pablo Vittar

A festa, idealizada e produzida pelo grupo há sete anos em Camaçari, traz para o palco o que há de mais novo nas expressões musicais afrodiaspóricas, embalado pela força e musicalidade da música baiana.

Afrobaile acontece na área de eventos da Igreja de Santo Antônio Além do Carmo, com ingressos a partir de R$ 60,00. A produção fica a cargo da A5 Produções.

Serviços:

O que: Edição Especial do Afrobaile com Afrocidade, O Kannalha convida Pablo Vittar.

Quem: Afrocidade, O Kannalha, Pablo Vittar, RaonirBraz, Lion, Ursão Records 71, DJ Nai Kiese

Quando: 21de julho de 2023, às 21h

Onde: Pátio da Igreja de Santo Antônio Além do Carmo

Valores: a partir de R$ 60,00 no  Sympla

Outras informações: 71 98121-6425

Classificação: 16 anos


Depois de uma fervida abertura com o afropop de Margareth Menezes, o axé de Ivete Sangalo e a MPB de Jorge Vercillo, o ritmo do hip-hop/rap vai dar o tom a segunda semana do Mercado Iaô Verão 2023, domingo (22/01), na Fábrica Cultural, na Ribeira. A banda Afrocidade será a anfitriã do evento e recebe os convidados A Dama e Vandal, com show de abertura de Gibi e Sistema Paggotrap.

A 5ª edição do evento reúne em um só lugar música, gastronomia, feira com diversos produtos, serviços criativos e apresentações simultâneas de shows, danças e DJs. Com o patrocínio do Instituto Nu, Carrefour e Prefeitura Municipal de Salvador, o Mercado Iaô encerra no dia 05 de fevereiro, com participações especiais de artistas locais e nacionais.

Os portões do Mercado Iaô estarão abertos às 10 horas, com entrada franca até 14 horas. A partir deste horário, os ingressos estarão à venda pelo valor social por R$30,00 (inteira) e R$15,00 (meia), com intuito de tornar o espaço autossustentável. Não haverá venda antecipada, apenas na bilheteria no dia do evento.

“A música faz as pessoas se unirem”! É o que acredita o Afrocidade, com seu estilo musical que reverbera a África atual e outras “Áfricas”. Para o Mercado Iaô, o grupo promete fortes emoções para o público, com muita vibração e dança ao som dos tambores africanos. “As experiências ao vivo são um alicerce muito forte para a gente. É onde desenvolvemos nossa construção artística e trocamos energia com o público”, conta MCDO (Macedo), vocalista da banda.

SERVIÇO
Mercado Iaô
Local: Fábrica Cultural – Praça General Osório, nº 33, Ribeira
Data: 22/01
Atrações: Afrocidade recebe Vandal e A Dama.
Horário de funcionamento: Das 10h às 20h – Show principal às 18 horas
Valor: R$30 e R$15 (meia), a partir das 14h.
Site: mercadoiao.org.br;
Redes Sociais: www.facebook.com/MercadoIao; Instagram:
@mercadoiao

O Festival Salcity chega à São Paulo levando a ancestralidade e a diversidade baiana, para apresentar toda a experiência que será vivida no dia 27 de agosto, no Centro de Convenções, em Salvador.

O evento reunirá 3 atrações no Cineclube Cortina – São Paulo, que se apresentarão para mostrar um pouco da musicalidade e cultura baiana. Ao som de Nêssa, Afrocidade e Melly, que virão com um repertório preparado especialmente para o dia 11, onde o público paulista poderá ter um gostinho de tudo que vai rolar no Festival.

A festa na capital paulista tem como objetivo, fazer um recorte do evento e apresentar à cidade de São Paulo a imersão cultural que acontecerá na capital baiana no dia 27 de agosto.

O Festival Salcity Salcity tem como propósito o incentivo à música e à cultura como potências máximas da nossa terra. E terá uma grade de atrações composta exclusivamente por artistas baianos e que levam a cultura da cidade e do estado em suas apresentações. Será uma imersão cultural em uma vivência que trará ao público, a possibilidade de conhecer uma nova forma de ser, viver e sentir a música e toda a cultura que vem junto com ela.

SERVIÇO:
Mostra Salcity em SP
Data: 11/08/2022
Horário: A partir das 20h
Local: Cineclube Cortina – São Paulo
Atrações: Afrocidade, Nêssa e Melly
Informações: @festivalsalcity
Vendas: SYMPLA

Afrocidade

A banda Afrocidade realiza seu Afrobaile no Pelourinho neste sábado (09), a partir das 20h30, no Largo Quincas Berro d’Água, tendo como convidados o rapper soteropolitano, Yan Cloud, bem como Oz e Raoni que fazem parte da banda ÀTTØØXXÁ com abertura com DJ Pivettopera.

A festa, idealizada e produzida pelo grupo há sete anos em Camaçari e produzida em parceria com a Isé nas edições em Salvador, traz para o palco o que há de mais novo nas expressões musicais afrodiaspóricas, embalado pela força e musicalidade do pagode baiano.

Yan Cloud por Mariana Ayumi

Formado em Camaçari em 2011, o Afrocidade faz um som com influências múltiplas, que vão do pagode ao afrobeat, passando pelo arrocha, reggae, dub e ragga, tendo sempre os ritmos percussivos como a base de sua identidade.

Com forte discurso politizado, as letras trazem questões cotidianas da vida nas grandes cidades e levantam reflexões sobre desigualdade e consciência racial, apontando para a importância dos valores étnicos baianos e brasileiros.

Criado como uma plataforma de formação de público e divulgação do trabalho do Afrocidade em Camaçari, o Afrobaile transformou-se em uma potente rede musical afrodiaspórica, realizando edições também em Salvador e recebendo artistas como Xênia França, Luedji Luna, KL Jay, Lurdez da Luz e Rapadura. Na ocasião, a banda começa a apresentar as músicas que estão presentes no disco “Vivão”, lançado em fevereiro de 2022.

Serviço: Afrobaile no Pelô
Quem: Afrobaile
Convidados: Yan Cloud, Oz e Raoni (ÀTTØØXXÁ)
Quando: 09 de julho de 2022, às 20h30
Onde: Largo Quincas Berro D’Água, Pelourinho
Valor: Lote 1: R$ 50 (inteira) / R$ 25 (meia) // Lote 2: R$ 60 (inteira) / R$ 30 (meia)

INGRESSOS NO SYMPLA

Em agosto, a pulsante música da Bahia vai ganhar um festival para chamar de seu. No dia 27 de agosto acontece o Salcity Festival no Centro de Convenções de Salvador destacando a diversidade, originalidade e força da música vinda da Bahia. A ideia é apresentar a música do estado de forma criativa e o abrigar na sua programação tanto as linhas atuais quanto os contornos originais da produção cultural ligados à região.

No line-up estão nomes com forte relevância na cena nacional como Baco Exu do Blues e Afrocidade, artistas consagrados como Edson Gomes e Orkestra Rumpilezz, além de potências da nova cena como Melly e O Kannalha. Muitos ritmos, muitas cores e uma experiência de se jogar no poder da música da Bahia.

“Esta é a primeira edição de um festival pensado e realizado por baianos, comprovando que nossa cultura tem mesmo que ser festejada. A Bahia sempre esteve no topo da cadeia da música nacional e fazer um projeto só voltado para a nossa força me enche de alegria”, afirma Alex Pinto, curador do Salcity Festival.

“Pensamos em ser de fato uma experiência sensorial completa para o público. Com o calor, o cheiro, o som e um recorte da história da música baiana”, complementa Bouzon, um dos realizadores do projeto.

Confira o line up completo dos dois palcos do Salcity Festival

Gabi da Oxe convida Nininha Problemática
Orkestra Rumpilezz
Melly convida Pedro Pondé
Diggo e Nêssa
Afrocidade Convida Dona Nildes e Celo Dut
Vírus Carinhoso
Cronista do Morro
Baco Exu do Blues convida Young Piva
Edson Gomes
O Kannalha e A Travestis

*Serviço*:
*Salcity Festival*
Quando: 27 de agosto
A partir de 16h
Centro de Convenções – SSA – Av. Octávio Mangabeira, 5.490 – Boca do Rio – Salvador – Bahia Informações: @festivalsalcity

A banda Afrocidade realiza seu Afrobaile no Pelourinho neste sábado (12), às 21h, no Largo Quincas Berro d’Água, tendo como convidada D. Nildes Bonfim e Pivoman na discotecagem no evento.

A festa, idealizada e produzida pelo grupo há sete anos em Camaçari e produzida em parceria com a Isé nas edições em Salvador, traz para o palco o que há de mais novo nas expressões musicais afrodiaspóricas, embalado pela força e musicalidade do pagode baiano.

Formado em Camaçari em 2011, o Afrocidade faz um som com influências múltiplas, que vão do pagode ao afrobeat, passando pelo arrocha, reggae, dub e ragga, tendo sempre os ritmos percussivos como a base de sua identidade.

Com forte discurso politizado, as letras trazem questões cotidianas da vida nas grandes cidades e levantam reflexões sobre desigualdade e consciência racial, apontando para a importância dos valores étnicos baianos e brasileiros.

Criado como uma plataforma de formação de público e divulgação do trabalho do Afrocidade em Camaçari, o Afrobaile transformou-se em uma potente rede musical afrodiaspórica, realizando edições também em Salvador e recebendo artistas como Xênia França, Luedji Luna, KL Jay, Lurdez da Luz e Rapadura. Na ocasião, a banda começa a apresentar as músicas que estão presentes no disco “Vivão”, lançado em fevereiro de 2022.

Serviço: Afrobaile no Pelô
Quem: Afrocidade convida Nildes Bonfim
Quando: 12 de março de 2022, às 21h
Onde: Largo Quincas Berro D’Água, Pelourinho
Valor: Lote 1: R$ 30 (inteira) / R$ 15 (meia) // Lote 2: R$ 40 (inteira) / R$ 20 (meia)
Discotecagem: Pivoman

Afrocidade

Neste sábado (19), a partir das 17h, acontece o Baile de Lev com shows de Afrocidade, Rachel Reis, Diggo, discotecagem de Gabi da Oxe e receptivo com uma fanfarra. O evento irá acontecer no Largo da Tieta, no Pelourinho. Os ingressos estão disponíveis no Sympla.

Com a promessa de reverberar a potência da nova cena musical baiana, o evento é uma parceria entre Alex Pinto e a Lev Hub Criativo, empresa criativa na produção de experiências culturais na cidade.

O Afrocidade é uma banda formada por Eric Mazzone (voz, bateria e direção musical), José Macedo (voz), Fernanda Maia (voz e percussão), Rafael Lima (percussão), Marley Lima (baixo), Sulivan Nunes (teclado), Fal Silva (Guitarra) e a dupla de bailarinos Ghuto Cabral e Deivite Marcel. Juntos formam uma Big Band com referências e musicalidades distintas que formam uma unidade. Atenta às diversas questões que surgem ao seu redor vividas no dia a dia, suas músicas trazem reflexões sobre a desigualdade e consciência negra, expressando sua ótica sobre o mundo.

Rachel Reis

Rachel Reis tem 25 anos e começou a sua trajetória ainda em 2016, cantando em barzinhos e eventos da sua cidade natal. Em 2021 lançou o EP Encosta, que já acumula mais de um milhão de plays só no Spotify, e a faixa bônus “Maresia” já soma mais de 1 milhão e 100 mil plays na mesma plataforma.

Diggo

O cantor Diggo, nascido e criado no Cabula, já conhecido no cenário baiano por suas composições que ganharam o Brasil e o mundo, acaba de lançar o seu segundo EP. Intitulado “Sem Filtro”, é o lançamento de uma das novas vozes da música baiana. Além disso, tem em seu currículo composições como “Abaixa Que É Tiro” e “O Pai Chegou” (Parangolé), “Teimosinha” (É o Tchan), “Hipnotizou” (Harmonia do Samba), dentre outros.

Gabi da Oxe

Já Gabi, tem 10 anos de atuação no mercado baiano. Publicitária, produtora cultural, gestora de projetos e DJ, Gabi da OXE se destaca em seus trabalhos desde a sua entrada na área de comunicação. Atualmente, sócia do BOMBAR – Rio Vermelho, divide seu tempo como empreendedora, DJ e conectora urbana na noite de Salvador.

O evento obedecerá todas as recomendações e protocolos dos órgãos em combate ao Covid-19, para ter acesso ao evento será necessário apresentar carteira de vacinação com pelo menos duas doses da vacina e o uso de máscara.

Serviço: Baile de Lev
Onde: Largo da Tieta (R. das Laranjeiras – Pelourinho)
Quando: 19 de fevereiro de 2022
Horário: 17h
Valor dos Ingressos: 3º Lote: $70  SYMPLA
Mais informações: Instagram @levhubcriativo

Foto Roncca

Apresentar uma conexão entre a musicalidade negra baiana e internacional é uma das propostas do grupo Afrocidade que estreia o primeiro álbum Vivão com forte cunho social, pautado pela música como instrumento pedagógico.

O disco, que chega hoje nas plataformas de música, traz uma sonoridade fruto das misturas de ritmos periféricos, marcados pela matriz percussiva. Vivão explora a conscientização política e social em suas canções e traz uma mistura de ritmos das variadas expressões da música negra.

Os ritmos ancestrais são o fio condutor do projeto, fruto de mais de 10 anos de pesquisa sonora, que converge estilos de periferias das grandes cidades nutridas em ritmos ancestrais e na matriz percussiva, movimento e som.

Além de saudar os tambores da África, o Afrocidade reafirma a força, importância e influência direta dos valores étnicos baianos e brasileiros na formação pedagógica do indivíduo. “Nossas influências vem do pagode, o arrocha, a música afro, do rap, do dub Jamaicano, o reggae, o ragga e o afrobeat, que resulta em uma música afro-baiana politizada, popular e contagiante”, explica Eric Mazzone, diretor musical do projeto.

O álbum que conta com 08 faixas inéditas e duas vinhetas, tem a produção musical do Afrocidade em parceria com Mahal Pita, que também assina a composição da faixa Topo do Mundo junto com MCDO. Já Luedji Luna participa da música Lua Branca, Nildes Bonfim na vinheta “Canoeiro” e Léo Mendes na guitarra na música 304 cantada e composta por Nanda.

O Afrocidade, que vem revelando um potencial musical marcada pela conscientização coletiva das minorias misturada a ritmos ancestrais com forte presença percussiva, foi um dos 48 projetos contemplados de um total de 2.617 inscritos de todo o Brasil. Com produção da Giro Planejamento Cultural e parceria com a Isé, o projeto tem patrocínio da Natura Musical e do Governo do Estado, através do Fazcultura, Secretaria de Cultura e Secretaria da Fazenda.

OUÇA AQUI

O grupo Afrocidade continua a sequência de seus ensaios de verão, o próximo já tem data marcada para este domingo (09/01), a partir das 18h, no Largo da Tieta, localizado no Pelourinho.

A festa é idealizada e produzida pelo grupo em parceria com a Isé, traz para o palco o que há de mais novo nas expressões musicais afrodiaspóricas, embalado pela força e musicalidade do pagode baiano.

A partir desses ensaios, o Afrocidade começa a apresentar ao público as músicas que farão parte do primeiro disco do grupo que será lançado em Janeiro com apoio do Natura Musical.

Os convidados para a segunda edição do ensaio vão ser o rapper paulista Rico Dalasam, a cantora baiana Luedji Luna, a cantora e instrumentista Bia Ferreia, o rapper Lucas Kintê e a DJ e influenciadora Lumena Aleluia.

Formado em Camaçari em 2011, o Afrocidade faz um som com influências múltiplas, que vão do pagode ao afrobeat, passando pelo arrocha, reggae, dub e ragga, tendo sempre os ritmos percussivos como a base de sua identidade. Com forte discurso politizado, as letras trazem questões cotidianas da vida nas grandes cidades e levantam reflexões sobre desigualdade e consciência racial, apontando para a importância dos valores étnicos baianos e brasileiros.

Criado como uma plataforma de formação de público e divulgação do trabalho do Afrocidade em Camaçari, o Afrobaile transformou-se em uma potente rede musical afrodiaspórica, realizando edições também em Salvador e recebendo artistas como Xênia França, Luedji Luna, KL Jay, Lurdez da Luz e Rapadura.

 

Serviço: Ensaio de Verão Afrocidade

Onde: Largo da Tieta (R. das Laranjeiras – Pelourinho)

Quando: 09 de janeiro de 2022

Horário: 18h

Ingressos: Sympla

Primeiro Lote: R$ 25,00 (meia) / R$ 50,00 (inteira)

Segundo Lote: R$ 30,00 (meia) / R$ 60,00 (inteira)

 

Mais informações: Instagram @isemusicacriativa

Foto Caíque Silva

Afrocidade

Segunda, dia 27 de fevereiro vai rolar mais um ensaio do Cortejo Afro no Largo de Tieta, Centro Histórico de Salvador. A temporada de verão de um dos blocos carnavalescos mais tradicionais da folia baiana vai receber os convidados do baile O Pente.

Pivoman por Alfamor

Celebrando a irreverência e diversidade da comunidade preta, Uran Rodrigues, idealizador do baile, convidou quatro artistas da nova geração para apresentar seus talentos. Dj e produtor musical, Pivoman, mescla o melhor do ritmos afro diasporicos com aqueles oriundos das periferias das grandes metropoles pretas, mandando o som ideal para o bailarine Lucas Montty soltar o corpo em verdades livres.

Lucas Montty

A pista estará fervendo, quando então subirá ao palco Rachel Reis, cantora e compositora que tem bombado nas playlists com os hits Maresia, Saudade e 20h, sendo um dos novos nomes do R&B e pop nacional. Afrocidade completará o time, trazendo aquele swuingue identitário, com o melhor do pagode e batidas percussivas únicas em trocas com o ijexá do Cortejo Afro.

O baile O Pente já passou por espaços como Borracharia, Camarote Expresso 2222, Bombar e participou há dois anos de uma edição do ensaio do Cortejo, retornando ao projeto, levando arte através dos corpos e intervenções multiplas.

Veko Araujo/ Cortejo

Com repertório recheado de sucessos, a banda Cortejo Afro fará apresentação com direção artística de Alberto Pitta. Durante o show não vão faltar a batida percussiva e experiências estéticas, que unem dança, música e artes visuais em um mesmo espetáculo.

Este projeto é uma realização da Entidade Cultural Cortejo Afro em parceria com o Grupo San Sebastian, e conta com apoio do Pro-Cultura.

Cortejo Afro – Foi criado em 02 de julho de 1998, na comunidade de Pirajá. Sua origem dentro dos limites de um terreiro de candomblé, o Ilê Axé Oyá, sob a inspiração e orientação espiritual da Yalorixá Anizia da Rocha Pitta, Mãe Santinha, atesta toda a sua identidade, autenticidade e força. O Bloco foi idealizado pelo artista plástico Alberto Pitta, que há mais de 35 anos, desenvolve trabalhos ligados à estética e cultura africana. A entidade, envolvida com esta proposta, desenvolve trabalhos sociais junto à sua comunidade durante o ano inteiro.

PROTOCOLOS DE SAÚDE OBRIGATÓRIOS:
Para cumprimento do art. 3º do Decreto nº 20.658 de 20/08/2021, do Governo do Estado da Bahia, o certificado de ciclo de vacinação completo será cobrado na entrada (duas doses ou dose única da vacina) com, no mínimo, 15 dias de antecedência. É obrigatória a apresentação da Carteira de Vacinação (versão Impressa ou Digital).

Instagram @cortejoafro @opente_afesta

SERVIÇO

O QUE: Ensaio do Cortejo com O Pente, part Afrocidade, Rachel Reis, Lucas Montty e Pivoman

ONDE:Largo de Tieta, Pelourinho, Salvador

QUANDO: Dia 27 de janeiro, 20h

ONDE COMPRAR: San Folia e no local do evento


SA Agência Digital