domingo, 19 maio 2024
Faccia Cure
Tags Posts tagged with "Zamba"

Zamba

Foto de Bruno Zambelli

O single traz elementos de afrobeat e pagodão baiano e mantém acesa a chama do verão de Salvador

O ritmo ardente do carnaval de Salvador se mantém vivo em “Molly”, novo single de Vuto que está disponível em todas as plataformas digitais. A música é uma parceria com PivetRaro e Zamba e vem acompanhada de um videoclipe que promete muita sensualidade e movimento.

“A criação de Molly foi bem rápida. Zambelli entrou em contato comigo para fazer um som com um mano do pagode, PivetRaro. Ainda não conhecia o trabalho dele e já tinha um tempo que eu tinha interesse em trocar com a galera do pagode. Tudo fluiu muito rápido, mais ou menos 3 dias, com muita conexão.” comenta Vuto.

A vontade de descobrir novas sonoridades e de explorar toda a riqueza da música soteropolitana foi o que uniu os artistas na criação de “Molly”Vuto e PivetRaro se conectaram através de Zamba e, juntos, construíram um trabalho autêntico que traduz a energia da capital ao juntar elementos de afrobeat com a identidade única e envolvente do pagodão baiano.

“Eu acho que vivemos um lifestyle em Salvador de muita experimentação, de querer juntar possibilidades novas. Então para mim, fazer um som com Vuto e PivetRaro é uma novidade e essa é a essência criativa. A própria música tem muitos elementos de Afrobeat e do pagodão, que é o corre dos meninos, e essa mistura é a essência do baiano.” explica Zamba.

“Molly” é um abre-alas na carreira de Vuto que navega por novos ritmos e perspectivas, misturando referências e vivências que dão o tom quente e sensual da faixa e que convidam o público a se derreter com a sensação de efervescência proporcionada pelo verão de Salvador.

“Essa música foi uma conexão de Zamba que trouxe a proposta do beat e do feat com Vuto. Foi aí que começamos nossa relação profissional e de amizade. A composição partiu de Vuto e eu complementei com minha vivência e história, acrescentando isso ao enredo que já vinha sido construído. Essa junção de múltiplas possibilidades musicais é o que nos permite fazer conexões ancestrais com tempos atuais, indo do afrobeat, ritmo conhecido mundialmente, ao pagodão, predominante na Bahia.” completa PivetRaro.

Vai rolar encontro sobre Arte e Inteligência Artificial nessa segunda, dia 03 de abril a partir das 15h no MIRÁ- Núcleo de Animação da Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia.

Os brabos Bruno Zambelli, também conhecido como Zamba – artista multimídia e produtor musical e Jimmy – criador do Salcity Card Game estarão presentes na mesa falando sobre os seus projetos, experiências e impressões sobre a arte generativa em evento aberto ao público.

O evento será no Salão Nobre da Escola de Belas Artes no bairro do Campo Grande e integra a programação do projeto “Trocando Ideia”.

Para conhecer os artistas siga no Instagram @brunozambelli e @filmeiro.

Capa: Arte de Zamba – Bloco Afro

A cantora e compositora feirense Rachel Reis lançou no dia 30 de abril o EP ‘Encosta’, em parceria com Zamba e Cuper, o projeto que deu o pontapé com o single ‘Saudade’ e agora apresenta mais 3 faixas inéditas, com o intuito de homenagear a Bahia através dos ritmos. Disponível nas principais plataformas digitais, o projeto também contará com visualizers que serão lançados no canal do YouTube de Rachel

O produtor musical Zamba traz uma bagagem de estudo na área instrumental com os ritmos eletrônicos, trap, pagotrap e estava num momento onde queria combinar texturas e contextos enquanto estava em isolamento social, quando pensou em se juntar com Cuper que é um guitarrista influenciado pela música caribenha e da américa do sul, e Rachel que carrega consigo influências bem regionais com um tom adocicado.  

Fotos Lucas Raion

“Esse trabalho foi e está sendo muito especial de fazer, a sintonia rolou muito fácil, foi um espaço de troca, escuta e cuidado. O processo tem sido importante para mim nesse período de pandemia, me jogar no EP foi uma forma de escape”, diz Rachel.

A responsável pela capa do EP foi a Maíra Moura Miranda, que se inspirou em apresentar os três artistas com uma ilustração onde ela trabalhou de forma livre a desconstrução do corpo usando distorção e estilização, onde ela mostra de uma forma lúdica e artística essa união que mesmo afastados durante a quarentena, eles se misturaram.

Os visualizers que serão lançados com o EP, foram produzidos pela Muviu Studio com a direção de Bruno Zambelli e assistência de João Vieira, a direção de fotografia foi de Lucas Raion, condução das câmeras foi por conta de Bruno e Raion com a assistência de Penélope Carolina, a produção executiva foi de Maíra Morena e o figurino ficou por conta do Afrô Slow Fashion e acervo de Maíra. 

SOBRE OS ARTISTAS

Rachel Reis

Rachel é uma cantora e compositora nascida em Feira de Santana, Bahia. Com uma sonoridade única, seu trabalho é uma mistura da essência da música de seu estado com referências do universo pop, transitando pelo afrobeat e MPB, tendo em sua lista de inspiração nomes como Gal Costa, Baiana System, Mayra Andrade, Céu e Jorge Ben. De voz potente ao mesmo tempo suave, ela traz em sua música uma batida nordestina, futurista e tropicana, num pop desconstruído, onde mostra personalidade no canto, na presença e nas composições que abordam dilemas amorosos contemporâneos. 

Zamba

Bruno Zambelli ou Zamba é designer com experiência em ilustração digital, edição, montagem e finalização de obras audiovisuais, direção de arte, motion design e VFX. Atualmente trabalha com a direção criativa do grupo musical ÀTTØØXXÁ, e se dedica a dois coletivos que tem como objetivo dar viabilidade e visibilidade ao trabalho de pessoas pretas: Muviu Studio, direcionada ao audiovisual e design; e Bonke Music, focada em direção e produção musical. Trabalhou as últimas principais faixas de Yan Cloud e Nêssa, produziu alguns sons também para Murilo Chester entre outras parcerias como RDD, Brena e Vandal. 

Cuper 

Sou produtor musical, cantor, guitarrista e compositor atuante no cenário alternativo de Salvador, trabalhei na produtora Arroz de Hauçá, no ETA Estúdio, no Estúdio Revolussom e atualmente com o Estúdio Itinerante em parceria com o Estúdio Mangus. Atuo também com gravação, mixagem e masterização.


SA Agência Digital