quinta-feira, 18 abril 2024
Édson Gomes e Attooxxa - Mega
Tags Posts tagged with "Tik"

Tik

O músico, cantor e compositor baiano Tik estreia sua carreira solo com o show “Ama-te a ti mesmo”, apresentando um repertório composto por músicas autorais e canções que marcaram a sua trajetória artística, com um mix de sonoridades que passam pelo rock, jazz, indie, MPB e chorinho.

O show, que acontece nessa terça-feira, dia 5 de abril, às 20h, na Sala do Coro do Teatro Castro Alves, apresenta em primeira mão canções que integram o primeiro EP de Tik, cuja capa é assinada pelo renomado artista visual Sérgio Rabinovitz.

A arte acompanhada do QR code com acesso exclusivo e antecipado ao EP estará disponível à venda para o público presente. Os ingressos custam R$ 50 (inteira) e R$ (25) meia e podem ser adquiridos na bilheteria do TCA ou através do Sympla. Mais informações podem ser acompanhadas através do instagram @jorgetik.

Tik, que toca guitarra desde os 14 anos e já passou por diversas bandas covers de rock, inicia sua carreira solo trazendo o amadurecimento da vivência nos palcos, junto à formação no Curso de Música Popular da Escola de Música da UFBA. Em suas composições, o artista aborda seu processo de autoconhecimento e amor próprio, trazendo reflexões sobre a vida, o seu lugar no mundo e a passagem do tempo. A relação com o pai, a noção entre realidade e fantasia; a busca e o medo de se entregar ao amor também se fazem presentes em suas letras.

“A música sempre teve um papel marcante na minha vida. Minhas primeiras memórias sensoriais são ligadas à música, quando ainda criança, acompanhava meu pai em seu hábito de desligar as luzes e deixar o rádio tocando um repertório rico e variado”, ressalta Tik. Essa diversidade de influências se expressa na sua criação artística e está presente nas músicas do seu EP: “Ama-te a ti mesmo”; “Eu não quero crescer”; “Meu Pai”;  “Aonde vou quando eu durmo” e “A chuva é você”.

Tik prioriza a divulgação do seu trabalho de forma mais pessoal e intimista, apresentando primeiramente o repertório do seu EP em um show e através da arte híbrida – gravura impressa da capa concebida pelo artista Sérgio Rabinovitzcom download antecipado das músicas – antes de lançá-lo nas plataformas de streaming. “Eu quero oferecer uma experiência multissensorial, mais viva e participativa na forma de consumir a minha música, destaca o artista”

Além das cinco faixas do EP, a apresentação conta com um repertório composto por outras músicas autorais e canções que marcaram a trajetória musical do artista: ​​Inevitável; As cores do entardecer; Me encontrar; Balada para Luiza;Ryland (Cover Julian Lage) e Airbag (Cover – Radiohead).

O show Ama-te a ti mesmo” tem apoio do Teatro Castro Alves e conta com Tik na guitarra e vocais, Victor Brasil na bateria, Vítor Magalhães no baixo, direção musical e artística de Jorge Solovera. A produção é de Simone Braz, a sonoplastia realizada por Cândido Neto e iluminação por Pedro Benevides.

SERVIÇO:

Tik apresenta o show “Ama-te a ti mesmo”

Sala do Coro do Teatro castro Alves

5 de abril de 2022, às 20h

Ingressos: R$ 50 (inteira), R$25 (Meia)

À venda no sympla ou bilheteria do TCA:  https://bileto.sympla.com.br/event/72373/d/132359/s/832176

Acompanhe em:

Instagram: @jorgetik

Youtube: Tik

Spotify: Tik

MAIS SOBRE: TIK

Jorge Chichorro Silva (38 anos), artisticamente conhecido como Tik, nasceu em Florianópolis – Santa Catarina, mas aos três meses de idade chegou em Salvador – Bahia, onde cresceu e construiu suas bases culturais. É músico, cantor e compositor, iniciando sua trajetória como artista independente tendo seu trabalho baseado em suas próprias composições.

Começou a tocar guitarra aos 14 anos e a partir dos 27 foi desenvolvendo cada vez mais um amadurecimento musical através de apresentações na noite de Salvador com grandes músicos locais e estudando música no Curso de Música Popular na Escola de Música da UFBA, além de aulas com grandes mestres como Edú Fagundes, Mou Brasil, Aline Barr, entre outros.

A música sempre teve um papel marcante no ambiente familiar. Seus pais sempre cultivaram o hábito de ouvir diariamente discos e fitas cassete e no rádio da sala se ouvia um vasto e variado repertório. Música popular brasileira (MPB), choro, samba, forró, música americana, rock e pop eram os principais gêneros que vibravam em sua casa na segunda metade da década de 1980. ​

Ao longo dos últimos 10 anos integrou várias bandas covers de rock. Um dos espaços que mais tocou foi o Groove Bar, reduto do rock soteropolitano, e lá fez covers de bandas como: Cold Play, Artic Monkys, Strokes. Em 2019 decidiu investir em suas próprias composições e de lá pra cá formou uma banda e com ela gravou as cinco faixas do seu primeiro EP e está ensaiando a sua primeira turnê ainda para o ano 2022.

Presente em sua vida desde as suas primeiras memórias, a música mais uma vez se fez companheira de Tik em uma fase tão marcante e em tempos de isolamento social elenos presenteia com o seu primeiro single.

A composição é uma profunda tradução multissensorial dos dias do músico nos últimos meses, na qual ele se destaca na produção musical e gravação das guitarras, contando também com a participação dos músicos Jorge Solovera (órgão Hammonde Mixagem), Victor Brasil (bateria) e Vítor Magalhães (baixo).

“As Cores do Entardecer” é reflexo de sua imersão no universo musical que começou há aproximadamente 10 anos de forma intensa, quando Tik resolveu se dedicar integralmente a música, dando início a uma transformação pessoal e profissional.

Na busca de uma forma particularde se expressar através da música, Tik mergulhou no estudo da guitarra, absorvendo influências clássicas como Pink Floyd, Beatles, Stevie Ray Vaughan, Miles Davis e descobrindo novos conceitos através de Julian Lage, Bill Frisell e Jim Campilongo.

Seja pelas novas conexões trazidas pela Escola de Música da UFBA, onde foi apresentado a novas perspectivas e novos artistas, ou acompanhando de perto a concepção detrabalhos autorais de amigos e companheiros do ofício, algo despertou no instrumentista o desejo de materializarde forma genuína, com uma estética própria, as suas experiências.

Novas vivências musicais, somadas as experiências internas, deram forma a seu primeiro álbum autoral que reúne entre canções instrumentais, um novo desafio para o até então guitarrista: o de cantar. O resultado é um mergulho na trajetória do músico e compositor que deixa a sua marca registrada em cada nota, timbragem e escolha dos versos, além de reverenciar sutilmente suas grandes referências musicais.

“As Cores do Entardecer” traz uma percepção positiva e leve dos dias atuais, mesclando a harmonia dos instrumentos a uma mixagem minuciosa, que resultam em uma sonoridade agradável para os mais experientes aos mais leigos dos ouvintes. O single é o primeiro lançamento do projeto autoral do artista e está disponível em todas as plataformas digitais, segue abaixo link para acessa-lo.

 

Spotifyhttps://open.spotify.com/album/6MZB1pH1ed00EMWyi7OdYf?si=_fxdscTGRg6VJJ0fvksaRw

Deezerhttp://www.deezer.com/track/985126342

“As Cores do Entardecer”

Ficha Técnica:

Música e Guitarras: Tik

Bateria: Victor Brasil

Baixo: Vítor Magalhães

Órgao Hammond e Mixagem: Jorge Solovera

Masterização: Absolute Master

Arte: Pedro Chequer

Fotos: Tik e Luiza Sampaio

Edição de Vídeo: Thiago Brandão

 

 


SA Agência Digital