domingo, 19 maio 2024
Bombar
Tags Posts tagged with "RDD"

RDD

Foto de Juliana Rocha

O segundo disco de Totô de Babalong é um projeto que diz exatamente o que o cantor almeja para a sua carreira. Com oito composições próprias, o cantor baiano aflora a sua latino-baianidade de uma forma certeira e extremamente melódica. As canções navegam em um universo de veraneio e sedução, trazendo a sua essência dramática para a cena pop de brasilidades.

Com participações de Gaby AmarantosRachel Reis e RDD“Pescoço Salgado” mira em um conceito de resgate de sonoridades latinas com uma roupagem moderna e uma identidade visual intrigante.

O artista traz romantismo e liberdade nas suas novas músicas, como muitos brasileiros que amam profundamente, mas não se repreendem quando o assunto é curtição. Em seu novo álbum, Totô abrange ritmos pouco explorados pela atual cena de brasilidade, como pagode, bachata e axé dos anos 2000.

Segundo o artista, “Às Avessas Por Você” e “Jogo de Louça” tiveram como fonte de inspiração cantores como Fagner e Reginaldo Rossi, ícones da história do brega no Brasil, cujas bagagens são importantes de serem repassadas para a nova geração.

Sua comunicação se norteia por uma identidade visual ousada e carregada de conceito. A capa do álbum é uma foto do cantor engolindo uma espada em um fundo degradê de tons solares, provocando um sentimento de tropicalidade, perigo, confiança e sensualidade. Já o nome “Pescoço Salgado” é um título sinestésico que gera uma reação sensorial nas pessoas, pois remete ao gosto de um pescoço salgado, que pode ser de um momento de folia, carnaval, verão, sexo e mar. E também pode ser referente a uma rotina pós trabalho, quando o trabalhador chega suado em casa depois de um dia cansativo e liga uma música para descansar, imprimindo assim, a ambiguidade do cotidiano desses brasileiros.


Com line up de peso, evento acontece no Trapiche Barnabé, a partir das 16h

Unindo street arte, design e música, vem aí mais uma edição do Flow Festival, neste sábado (03), a partir das 16h, no Trapiche Barnabé. No line up, nomes como Don L, artista do ano pela APCA e um dos grandes nomes do rap brasileiro; RDD, DJ, produtor musical e integrante da banda Attooxxa; Duquesa(foto), revelação feminina do Trap nacional; Karmaleoa, cantora, drag, DJ e produtora cultural; e DJ Lucio K, trazendo seu setlist dançante, que passeia do Samba à MPB.

Vai rolar também oficinas de skate e grafite, voltadas para jovens de comunidades de Salvador, com mentoria de Denissena Fóssil e apoio do ZSU Skateshop.

Flow Festival, uma realização da Aldente Produções, com produção da Feed Experience Hub, é conhecido por reunir a galera mais urbana de Salvador.

Os ingressos estão à venda no Sympla. Para ficar sabendo de tudo que vai rolar, siga o perfil oficial de Flow no Instagram: @flow.salvador

SERVIÇO
EVENTO: Flow Festival
Data: sábado, 03 /09
Hora: 16h
Local: Trapiche Barnabé (Comércio)
Atrações: Don L, RDD, Duquesa, Karmaleoa e DJ Lucio K
Ticket: https://www.sympla.com.br/evento/flow-festival/1653226
Classificação: 18 anos

Com direção de Mauricio Sacramento, o clipe da “Te Vi na Rua” já está disponível no youtube.

Silva, Marina Sena e RDD apresentaram a música do verão brasileiro, quente, colorida e vibrante como tem que ser.

Uma galera colou na gravação que teve a praia do Solar do Unhão e os arcos da comunidade como locação. Tertuliana, A Paulilo, Tia  Carol e mais uma galera estilosa e livre. Confira !

O burburinho na rede essa semana, foi sem sombra de dúvidas, a divulgação do novo single dos cantores Silva, Marina Sena e RDD.

O feat que chega às plataformas digitais nessa quinta, dia 16 às 21h, promete aquecer ainda mais a temperatura nesse verão escaldante.

”Te Vi Na Rua” chegará com clipe, tendo como um dos sets a praia do Solar do Unhão na Avenida Contorno na capital baiana,  metro quadrado mais disputado pelo banho gostoso, encontros e a mais bela vista da Baía de Todos os Santos.

 

RDD segue pavimentando sua carreira na música contemporânea brasileira. Após assinar produções de faixas de Karol Conká, Rael e Drik Barbosa, entre outros trabalhos nos últimos meses, o artista lança hoje “Salcity Sounds VOL 2”.

O EP que sai pela Map Music com distribuição da Altafonte, traz muito romance e afropop com participações de Diggo & Duquesa, Gibi, Larissa Luz, Luccas Carlos, Nêssa e Tassia Reis.

“No começo do ano fiz uma enquete perguntando o que meus fãs mais queriam ouvir de mim. A resposta foi praticamente unânime: músicas românticas e de afrobeat”, lembra RDD.

Aquilo ficou na cabeça do músico, que acabou procrastinando a ideia diante da avalanche de pedidos de produções. Uma delas, “Subida” de Karol Conka, que recentemente entrou no game FIFA 22.

O EP acabou resultando muito no que a galera pediu, com cinco faixas afropop brasileiras. “Tem um mood bem caliente, e com diferentes grooves de afrobeat, pagodão, reggaeton e dancehall”, conta RDD. O feat com Diggo & Duquesa, “Escorrega”, uma mistura de funk 150 bpm com um break de pagode e refrão de pagodão abre “Salsicity Sound Vol 2” e é o single principal do projeto.

OUÇA

Após nove meses dedicados exclusivamente para produções musicais – um período em que RDD se estabeleceu como um dos principais produtores do afropop brasileiro, tendo produzido/co-produzido lançamentos de Major Lazer & Ludmilla, Anita, Rael, Drik Barbosa, Karol Conka, Tuyo, entre outros, Rafael Dias retorna com seus lançamentos autorais.

No início do ano, RDD fez uma enquete com seus fãs, perguntando o que eles mais gostariam de ouvir em 2021. As respostas foram praticamente sempre as mesmas: muitos pedidos de pop, afrobeats, e músicas românticas.Atendendo ao pedido de seus fãs, RDD prepara para lançar nesta hoje (17) a faixa “Cavalgadinha” com participação de Luccas Carlos.

“O single é uma mistura de afrobeat, R&B e pagodão. Tem um clima mais caliente, pra ser curtido a dois e conta com a participação de Luccas, trazendo aquela voz inconfundível”, afirma RDD.
“Cavalgadinha” é o primeiro single de seu segundo EP, “Salcity Sounds Volume 2”. A faixa combina diversos elementos do pop e afropop: um mood romântico, letras com a “maldade” do pagodão, flautas inspiradas na sonoridade do funk, um swingue na levada do afrobeat, e claro, uma levada de RnB complementada por Luccas Carlos.

OUÇA


SA Agência Digital