segunda-feira, 15 agosto 2022
Tags Posts tagged with "presepio"

presepio

Foto: Celo Hermida

Ciente do que representa para o entorno de onde está instalado, em Stella Maris, e atento aos cuidados ainda exigidos da população, o Colégio Marízia Maior convidou o artista plástico Ivo Gato para montar um presépio a céu aberto, na Alameda Praia de Guaratuba, em frente à escola. Além de opção segura de lazer, a decoração deve colaborar com a movimentação do mercado local.

“É um presente para a população do bairro, onde muitos de nossos alunos residem, inclusive. Uma mensagem de paz e de boas energias, que tanto estamos precisando”, reflete Carlos Maior, Diretor Administrativo da instituição de ensino, uma das poucas instituições privadas de ensino da Bahia contrárias ao retorno das aulas presenciais ainda em 2020, em função da pandemia.

É tradição na Bahia, herança da nossa história cristã e católica, principalmente nas cidades do interior do estado, o hábito de montar presépios como forma de celebrar o nascimento Jesus. Em Salvador essa prática também permanece mesmo que timidamente. O Convento Santa Clara do Desterro no bairro de Nazaré mantém viva essa tradição milenar, abrindo ao público para visitação diariamente, de segunda à sábado, das 8h às 18hs, gratuitamente.

Arquivos apontam para o ano de 1223, a montagem do primeiro presépio por São Francisco de Assis, que tinha como propósito explicar melhor o Natal para as pessoas comuns, camponeses que não conseguiam entender a história do nascimento de Jesus. Mandando transportar as imagens do Menino Jesus, de Maria e de José, uma manjedoura, um boi e um burro para a floresta de Greccio, onde a noite de Natal foi celebrada pela primeira vez fora do reduto da Igreja.

110

Este novo costume espalhou-se por entre as principais Catedrais, Igrejas e Mosteiros da Europa durante a Idade Média, começando a ser montado também nas casas de Reis e Nobres já durante o Renascimento. Ao longo dos anos novas imagens e elementos contemporâneos foram introduzidos na montagem do presépio, sempre aproximando a história do nascimento de Jesus à realidade dos povos de acordo com a época e o local. Foi já no século XVIII que o costume de montar o presépio nas casas comuns se disseminou pela Europa e depois pelo mundo.

Assim como ocorreu na história, este ano o Projeto Social por um Mundo Melhor, juntamente com Convento Santa Clara do Desterro, teve a iniciativa de montar pela primeira vez o presépio fora da Igreja, logo no acesso do Convento, de modo a possibilitar que públicos diversos possam contemplar a representação do nascimento do menino Jesus.

 


SA Agência Digital