sexta-feira, 30 outubro 2020
Tags Posts tagged with "pelourinho"

pelourinho

O RZO fará show no Pelourinho

Nesse fim de semana, a festa “Ugangue Apresenta” traz, pela primeira vez a Salvador, um nome consagrado no rap nacional: o RZO. O show completo desse grupo paulista formado por Helião, Sandrão e Dj Cia, traz os principais sucessos da banda e as músicas do seu disco novo “Quem tá no jogo”.  O locais Rap Nova Era e Correria, também prometem agitar o público que estará por lá prestigiando o que há de melhor na cena rapper. Juntos, eles formam uma família e prometem uma noite com muito ritmo, poesia e batidas pesadas. Sem dúvidas um grande encontro de gerações da música rap e toda cultura Hip-Hop, na capital baiana. O evento será realizado no sábado(21), às 20h, na Praça Tereza Batista.

Correria é atração da festa Foto Mauro Farinetti

Ugangue Apresenta: Um dos pilares fundamentais da cultura hip hop, o Rap, é a certeza de que a música une as pessoas, auxilia na cura e salva vidas. Essa é a chama acesa para a realização do evento “Ugangue Apresenta”, que traz para o palco do Pelô, shows de importantes nomes do cenário Paulista e baiano, que na grande maioria das vezes apresentam, através das letras de suas canções, suas inquietações e protestos.

O Nova Era faz show na mesma noite. Foto Wilson Gas

O evento conta com o apoio do Pelourinho Cultural, do Centro de Culturas Populares e Identitárias e da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

 

Garanta seu ingresso antecipado pelo Sympla: https://bit.ly/2urOQwA

Valores: 30$ (antecipado) e 40$ (na porta)

Promoção Casadinha 50$ (ingresso duplo)

 

Nova Era, grupo de Rap baiano. foto Rodrigo Chagas Daltro

Estamos Vivos é o nome do evento que reunirá gerações do Rap Nacional,  na próxima sexta, dia 12, a partir 20h, no Largo Tereza Batista, no Pelô. Na noite de festa, será gravado o episódio “Rap da Bahia”, que vai ao ar no programa de WEBTV, encabeçado pelo Dj paulista KL Jay.  Tudo isso contando com shows do grupo local NOVA ERA, que nasceu no subúrbio de Salvador, e segue em pleno desenvolvimento na cena,  do  KL Jay – integrante do Racionais Mc’s e considerado o maior DJ do gênero do país, do rapper cearense Don L, que vem fazendo muito barulho pelo Brasil e, de DaGanja, rapper atuante na cena baiana desde o final dos Anos 90,  idealizador dos projetos +Rap +Vida e Baile Black Burn.

A produção avisa que o primeiro lote dos ingressos antecipados já estão à venda no Sympla e na loja Mídia louca.

KL Jay (divulgação). No evento o DJ dos Racionais gravará episódio do seu programa de WEBTV “Estamos Vivos”

 

Rap Nova Era Foto Jardel Souza

Nova Era é um grupo de Rap oriundo do subúrbio da capital baiana, formado pelos MCs Moreno, Ravi Lobo, junto ao  Dj Kbça.  O Rap verdadeiro é a cara do Nova Era. Sem rótulos ou maquiagem, o grupo faz música que mostra a realidade das ruas, de forma direta e coerente, buscando propagar a mensagem do Hip Hop. Eles roubam a cena quando sobem ao palco, com postura e atitude de um rap gangueiro feito por quem conhece a vida dos guetos de Salvador.

 

 

 

 

 

Teago Oliveira da Maglore

O verão da Bahia começou fervendo e, na mistura de ritmos famosa de Salvador, o pop rock não poderia ficar de fora. Para agitar esse caldeirão musical, a Banda Maglore estréia o projeto “Maglore Convida” neste sábado (14), no Largo Tereza Batista, no Pelourinho, às 19h, sendo a banda Vivendo do Ócio a convidada especialíssima da noite.

Ao todo serão três edições, com shows também nos dias 28 de janeiro e 11 de fevereiro, quando a Maglore mostrará mais uma vez suas canções, quase sempre acompanhadas em coro pelo seu público. No repertório, músicas do o CD e LP III, eleito um dos melhores álbuns de 2015 pela mídia especializada, e composições dos também elogiados discos Vamos Pra Rua (2013) e Veroz (2011).

Composta por Teago Oliveira, Felipe Dieder e Rodrigo Damati, a banda pop Maglore traz em suas canções influências da música brasileira e baiana, com um repertório que vai da Bossa Nova ao Rock’nRoll. As canções pop com toques de tropicalismo e psicodelia da Maglore caíram rapidamente nas graças do público da capital baiana e, em 2010, os rapazes se mudaram para São Paulo. Desde esta época, a banda participa de diversos festivais de música do país, com apresentações realizadas nas cinco regiões num total de mais de 300 shows.

Em muitos deles, dividiu o palco com artistas como Lenine, Tulipa Ruiz, Marcelo Jeneci, Marcelo Camelo, Frejat, Vanguart, Móveis Coloniais de Acaju, B-Negão, Do Amor e Wilson das Neves.  A discografia da banda é formada pelo EP “Cores do Vento” (2009) e os álbuns “Voraz”  (2011) e “Vamos Pra Rua” (2013), além de III (2015).

SERVIÇO

O QUE: “Maglore Convida” com participação da Vivendo do Ócio

QUANDO:  Sábado(14) a partir das 19h

ONDE: Largo Tereza Batista – Pelourinho, Salvador

QUANTO: R$20 (meia entrada) e R$40 (inteira)

ONDE COMPRAR: SYMPLA

Larissa Luz por Camilo Lobo

Um dos blocos afro mais tradicionais do Brasil, o Cortejo Afro realiza Pré-Reveillon, nesta segunda-feira (26), a partir das 21 horas, na Praça das Artes – Pelourinho, em Salvador, recebendo a cantora e atriz Larissa Luz e o bloco Ilê Aiyê para participações especiais.

Durante a apresentação, a banda Cortejo Afro mostrará a batida percussiva que a diferencia das demais, por apresentar uma mistura de ritmos africanos, mesclados a batidas eletrônicas, músicas latinas, a MPB e ao Pop.

Meu Sexo e Bonecas Pretas, canção de Larissa e Pedro Itan, que ganhou clipe lançado recentemente, serão algumas das canções integrantes do álbum Território Conquistado, que farão parte da canja de Larissa junto ao Cortejo. Já o Ilê levará toda sua ancestralidade percussiva, com toda originalidade do som de terreiro, símbolos da negritude e resistência.

No repertório do Cortejo, além das composições como Combustível, Vou Sambar, Reze e Ageumbó, já consagradas pelo público, serão apresentadas nas vozes de Aloísio Menezes, Claudya Costta, Marquinhos Marques, Valmir de Brito e Portella Açúcar releituras de clássico da MPB que garantirão a animação, fazendo o público cantar, dançar e se divertir.

Este projeto é uma realização da Entidade Cultural Cortejo Afro e conta com os apoios do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC) e da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

SERVIÇO:

O QUE: Pré-Reveillon do Cortejo Afro com participação de Larissa Luz e do Ilê Aiyê.

QUANDO: Segunda-feira(26) a partir das 21h/Abertura dos portões 19:30

ONDE: Praça das Artes – Pelourinho / Salvador – Bahia.

QUANTO: R$40,00 (inteira), R$20,00 (meia-entrada).

ONDE COMPRAR: AntecipadO no Restaurante Odoyá – Pelourinho, das 10h às 18h e, no dia do evento, na bilheteria do local, a partir das 14h.

Guiguio

Sábado(17) vai rolar uma das maiores celebrações a ancestralidade africana no Pelourinho, em Salvador. A Praça Tereza Batista, será palco das comemorações pelos 34 anos de carreira do cantor e compositor Guiguio no show “Pérola Negra”.

Com passagem pelos blocos Badauê, Apaches do Toróró, Olodum e Ilê Aiyê, Guiguio carrega a história da música negra na alma, dando-lhe experiências e vivencias que foram refletidas em suas letras e no seu canto.

Dono de uma voz marcante, forte, inconfundível, com maestria no estilo e suingue Afro, o cantor possui um canto de resistência, visto em canções como ” O Mais Belo dos Belos” , “Por Amor ao Ilê”, “Adeus Bye Bye”, “Negra Baila”, “Negrice Cristal”, “Poeira” , “Sou Preto da Cor de Carvão”, “População Magoada” dentre outras tantas interpretas por musas como Daniela Mercury e Margareth Menezes.

O show de abertura ficará por conta da cantora e compositora Vanessa Borges, lançando seu novo projeto Remixtura . A proposta sonora da mesma é reverenciar essa capacidade múltipla, que pode se revelar percussiva, poética, afro, reggae, romântica, black e eletrônica.

SERVIÇO:

O QUE: Show Pérola Negra com Guiguio / Show de Abertura Vanessa Borges

ONDE: Praça Tereza Batista, pelourinho, Salvador

QUANDO: Sábado(17)

QUANTO: R$ 30 / R$ 15 (meia)

ONDE COMPRAR: Loja Black Atitude . : Baixa de Quintas/ Salão da Negra Jhôw : Pelourinho/Loja Cresposim Salvador: JJ Center, Box 52 Baixa do Sapateiros.

 

Márcio Victor

O Cortejo Afro inicia a temporada de Ensaios, segunda(28), em um novo espaço, agora na Praça das Artes, no Pelourinho. Os shows serão realizados sempre às segundas-feiras, a partir das 21 horas, recebendo em seu primeiro show o cantor Márcio Victor da banda Psirico.

Durante a apresentação, a banda Cortejo Afro mostrará a batida percussiva que a diferencia das demais, por apresentar uma mistura de ritmos africanos, mesclados a batidas eletrônicas, músicas latinas, a MPB e ao Pop.

No repertório, além das composições como Combustível, Vou Sambar, Reze e Ageumbó, já consagradas pelo público, serão apresentadas releituras de clássico da MPB que irão garantir a animação, fazendo o público cantar, dançar e se divertir.

 

SERVIÇO:

O QUE: Ensaios do Cortejo Afro com participação de Márcio Victor

Quando: Segunda(28) a a partir das 21h

 ONDE: Praça das Artes – Pelourinho / Salvador – Bahia.

QUANTO: R$40,00 (inteira), R$20,00 (meia-entrada). Vendas: no local, no dia do show, a partir das 14 horas.

Realização: Entidade Cultural Cortejo Afro.

Apoio: Centro de Culturas Populares e Identitárias, Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia e Secretaria de Cultura e Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do Estado da Bahia.

INFORMAÇÕES: www.cortejoafro.com.br

Uma verdadeira celebração. Um festival de cores e energias que foram apreciadas nas tonalidades dos cabelos, nos estilos diversos e na tranquilidade de espírito e total compreensão que ainda existe muito por ser feito. A luta continua! A segunda edição do Afro Fashion Day, realizado no último domingo(20), Dia da Consciência Negra,  deixou claro sua funcionalidade para a Comunidade Negra. Muitos estilistas e marcas colocaram na passarela todo cuidado e riqueza de detalhes como representação de um povo tendo como tema “O Grito das Ruas”. A Praça da Cruz Caída, no Centro Histórico de Salvador foi tomada de vida… Confira nos clicks da equipe de fotógrafos da Diferente Imagens, liderada pelo querido Alex Dantas os bastidores, detalhes, momentos únicos e toda a luz desse evento que entrou no calendário dos festejos baianos. Axé!

Luma Nascimento de Dresscoração no desfile da 1ª edição do Afro Fashion Day

Empoderamento, identidade negra, moda, música e atividades de formação ainda mais fortes. É essa a proposta da segunda edição do Afro Fashion Day (AFD), projeto em comemoração ao 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. Este ano, o evento gratuito foi ampliado para o fim de semana: começará no sábado, 19, das 9h às 15h, com o Senac Casa Afro Fashion, no Senac Rua Chile, e continua no domingo, com a Food Stock especial AFD, das 11h às 20h, na Praça da Sé.

O ponto alto será ao pôr do sol com um desfile coletivo na Cruz Caída, com 60 modelos e 10 convidados negros como protagonistas, desfilando a moda criada por 45 marcas baianas. A cantora Larissa Luz será a mestre de cerimônia.

Larissa Luz
Larissa Luz

Outro destaque da programação é a exposição Visu no Pelô, com oito imagens de pessoas estilosas que circulam pelas ruas do Centro Histórico. A mostra a céu aberto tem curadoria de Paula Magalhães, editora do Bazar, e de Léo Amaral, produtor de moda do suplemento de domingo do CORREIO, com fotografias de Angeluci Figueiredo. A mostra ficará na entrada da Cruz Caída, dando boas-vindas ao público.

O Afro Fashion Day é uma realização do CORREIO com patrocínio do Shopping da Bahia, HapVida e Faculdade da Cidade, apoio do Senac e Eudora e apoio institucional da prefeitura de Salvador.

0d83a948c4

 

Com o tema O Grito das Ruas, 45 estilistas e designers baianos – 19 a mais que em 2015 – vão apresentar na passarela peças inspiradas na cultura afro-baiana. Também cresceu o número de modelos e convidados- 70 pessoas- que irão desfilar os looks, entre eles, os cantores Ana Mametto, Lincoln Sena (da banda Duas Medidas) e Vitor Pretto, além do produtor de eventos Uran Rodrigues(yo). A estilista Najara Black, a dançarina e princesa do Carnaval 2014 Tamires Nogueira, a modelo plus Renata Trindade e a cantora lírica Rita Braz também participam do desfile.

É uma vitrine para o mercado local. Muitos dos criadores vão produzir peças exclusivas com a pegada streetwear. Isso tem muito a ver com o momento que Salvador vive, em que o público jovem tem ocupado mais as praças. As pessoas que estão mais na rua e têm muito estilo”, avalia Fagner Bispo, produtor e designer de moda responsável pelos looks do desfile desde a primeira edição.

 

PROGRAMAÇÃO

Oficina de Estilização de Cabelos Afro, com Bárbara Aguiar, cabeleireira e proprietária do Yalodê Cabelos Naturais, salão especializado na estética negra. Das 9h às 11h. Capacidade: 20 pessoas (com alguma experiência)

Oficina de Automaquiagem para Pele Negra, com Regiane Ferreira, professora do Senac. Das 9h às 11h. Capacidade: 20 pessoas

Oficina de Unhas Decoradas com Motivos Étnicos, com Jacimara Oliveira, professora do Senac. Serão duas turmas das 9h às 12h e das 13h às 15h. Capacidade: 15 pessoas, cada

Bate-papo Empoderamento da Mulher Negra, com a estilista Carol Barreto, a designer Luma Nascimento, a secretária de Políticas para as Mulheres Olívia Santana e mediação de Phaedra Brasil. Das 9h às 12h. Capacidade: 25 pessoas

Dicas de Moda Trend Afro, com Madalena Negrif e Phaedra Brasil. De 14h às 15h. Capacidade: 25 pessoas.

Candida Specht
Candida Specht

 

Marcas

Esse ano participam do desfile do Afro Fashion Day 45 marcas baianas, entre moda unissex, praia, turbantes, acessórios e bijuterias, além da Mersan e Melissa, que forneceram os calçados.

Dois looks serão assinados por estudantes de Moda do Senac e Unifacs que participaram do Desafio Criativo, concurso promovido pelo CORREIO, em parceria com o Shopping da Bahia, no qual os alunos criaram peças streetwear usando o tecido de fantasias do bloco afro Muzenza. Um deles será do quarteto do Senac formado por Gabriel Machado de Assis, Juliana Badá, Paloma Santos e Rose Matos, vencedores da competição.

look

As marcas baianas presentes no desfile coletivo do AFD são: Adriana Meira Atelier (roupa – estreia), Afreeka (roupa), Aládio Marques (roupa), Ateliê Casalinda (roupa – estreia), Black Atitude (roupa – estreia), By Aninha Acessórios (bijuterias), Boutique Negralá (turbantes – estreia), Cabelo Em Pé (brincos e turbantes – estreia), Candida Specht (bolsas e calçados), Carol Barreto (roupas), Cllaudia Soares Atelier (moda conceitual – estreia), Closet Clothing (moda praia – estreia), a collab Miranda Estúdio + The Finds + Soul Dila (roupas e acessórios – estreia), “Com Amor, Dora” (turbantes), Crioula (roupas), Cynd Biquínis (moda praia – estreia), Dresscoração (roupa), Erika Rigaud Turbantes (turbantes – estreia), Euzaria (roupa – estreia), Ewa (brincos de crochê – estreia), Goya Lopes (roupa), inCID (roupa – estreia), Ismael Soudam (moda conceitual), Jeferson Ribeiro (roupa), Ju Fonseca (bijuterias em linha de seda), Katuka Africanidades (roupas), Kelba Deluxe (colares), La Abuela (brincos em bordado), Meninos Rei (roupa), Moda Criola (brincos – estreia), Mônica Anjos (roupa), Moringa Label (moda praia – estreia), N Black (roupa), Negrif (roupa), Ope.Tropical (moda praia – estreia), Outerelas (bijuterias), Porto de Biquíni (moda praia), Preta Brasil (colares em contas de madeira – estreia), Sonbrille (óculos – estreia), Sou Diva (brincos – estreia), T Camisetaria (roupa – estreia), Tempt (roupa – estreia), Turbanque (turbante – estreia) e Vivire (moda praia).

 

Serviço:

Sábado, 19 de novembro

O que: Senac Casa Afro Fashion (oficinas e bate-papos)

Horário: 9h às 15h

Onde: Senac Rua Chile

 

Domingo, 20 de novembro

O que: Food Stock especial AFD

Horário: 11h às 20h

Onde: Praça da Sé

 

O que: Desfile Coletivo

Horário: a partir das 17h

Onde: Praça da Cruz Caída

 

ENTRADA GRATUITA.

Ifá por Heder Novaes

No próximo dia 15 de outubro, será realizada a terceira edição do Fela Day Salvador, exatamente na data de aniversário do músico e ativista nigeriano Fela Kuti, que completaria 78 anos. Para a festa, a banda IFÁ convida Okwei Odili, Nelson Maca e Sistema Kalakuta. No palco, todos vão celebrar a memória e o legado do mestre africano que é o criador do Afrobeat.

A IFÁ vai apresentar seu repertório autoral de música instrumental, baseada no gênero criado por Fela Kuti na década de 1970. Além disso, músicas do homenageado também compõem o repertório.

Uma das convidadas para a festa é a conterrânea de Fela Kuti, a cantora e compositora Okwei Odili. Atualmente morando na Bahia, a nigeriana cheia de suingue e dona de uma voz quente e vibrante vem consolidando sua parceria com a IFÁ desde que participou do primeiro EP da banda.

Outros que subirão no palco são o poeta e agitador cultural Nelson Maca, que se apresentará junto com a IFÁ, e o Sistema Kalakuta, formada pelos DJs Sankofa e Dudoo Caribe, para balançar o Pelourinho com sons de matriz africana e suas vertentes espalhadas pelo mundo.

O show será no Largo Pedro Arcanjo, Pelourinho, a partir das 20h.

SERVIÇO:

O QUE: Fela Day Salvador, com IFÁ e convidados
ONDE: Largo Pedro Arcanjo, Pelourinho
QUANDO: 15 de outubro, sábado, 20h
QUANTO: R$ 30 (inteira) / R$15 (meia)
ONDE COMPRAR: sympla.com.br e loja Midialouca (Rio Vermelho e Pelourinho)
INFORMAÇÕES: Alan Lobo (71 9 9957-5835)

 

Liniker e Os Caramelows por Gabriel Quintão

Lançado oficialmente  nessa sexta(16) nas principais plataformas de vendas on line de músicas o CD Remonta, de Liniker e os Caramelows, será apresentado ao público soteropolitano no dia 11 de outubro, véspera de feriado, no Centro Histórico. A apresentação acontecerá às 20h no Largo Tereza Batista no Pelourinho e terá como abertura do DJ Mauro Telefunksoul.

Em seu primeiro álbum de carreira, Liniker que surgiu no mercado fonográfico com um EP intitulado “CRU” em 2015, chega com intensidade e identidade em Remonta, concepção possível através da campanha de financiamento coletivo no Catarse.

“Caeu”, “Zero” e “Louise du Brésil” foram regravadas com novos arranjos pela banda formada por Liniker Barros (voz), Rafael Barone (baixo), William Zaharanszki (guitarra), Pericles Zuanon (bateria), Márcio Bortoloti (trompete) e Renata Éssis (backing vocal).

Remonta conta com a brilhante produção Marcio Arantes, trazendo as conhecidas faixas do EP de estreia (e outras já cantadas nos shows) com uma nova roupagem, como se elas tivessem sido, de fato, remontadas. São 13 faixas sendo algumas músicas inéditas gravadas. É o caso de “BoxOkê”, que foi registrada com a rapper Tássia Reis e a banda instrumental Aeromoças e Tenistas Russas.

SERVIÇO:

O QUE: Liniker e os Caramelows | Show de lançamento – CD Remonta/ DJ Mauro Telefunksoul

QUANDO: 11 de outubro de 2016 (terça-feira, véspera de feriado) 20h

ONDE: Largo Tereza Batista – Pelourinho, Salvador

QUANTO: 1º Lote – Inteira R$60, Meia-entrada R$30 / Camarote by Uran Rodrigues  (100 pessoas) – R$80

ONDE COMPRAR: Sympla
– Loja Colomy Brothers (Rio Vermelho), a partir do dia 20/09
– Loja Somos Coletivo Criativo (2º piso do Shopping da Bahia), a partir do dia 20/09


SA Agência Digital