sábado, 25 maio 2024
Jade Showroom
Tags Posts tagged with "Márcio Barreto"

Márcio Barreto

Oferecer o menor impacto possível à natureza, integrando a arquitetura ao meio ambiente é a proposta principal da arquitetura ecológica. Enquanto o senso-comum defende que criar soluções sustentáveis significa implementar processos de reuso de água ou placas solares em casas e edifícios, algumas soluções simples e práticas podem ser usadas dentro de qualquer apartamento.

Seja na escolha do terreno – em casos de construção, no paisagismo planejado ou na escolha dos materiais, a arquitetura ecológica propõe a ocupação do espaço de forma inteligente, harmonizando o ambiente aos aspectos naturais existentes.

“Existem muitas soluções simples que podem ser feitas por conta própria e outras que exigirão reformas, como a relocação de alguma porta ou janela. O importante é que podemos ser ecológicos em qualquer lugar, seja casa, apartamento ou ambiente empresarial!”, explica Márcio Barreto, arquiteto e à frente do escritório Arquitetura do Barreto.

Pensar de forma sustentável na distribuição dos cômodos, iluminação, ventilação, locomoção e decoração do espaço, já pode ser o caminho para implantar a arquitetura ecológica em casa.

“Uma arquitetura bem-feita e executada, diminuirá a necessidade de manutenção, terá um ciclo de vida maior e consequentemente necessitará de menos recurso para o seu uso. Não basta apenas construir eu montar um espaço utilizando soluções ecológicas, ele também precisa ser inteligente no uso continuo, diminui os custos de uso no que for possível”, explica Barreto.

Referência baiana em arquitetura acessível e ganhador dos prêmios Portobello + Arquitetura, Destaque Sustentabilidade Nacional em 2018, e ambiente destaque nos sete conceitos da Mostra Morar Mais por Menos – edição Salvador 2018, Márcio Barreto propõe adaptações ecológicas que podem ser feitas em casas e apartamentos:

1. Optar por cortinas de tecido gaze sem blecaute no cômodo da sala, traz a privacidade necessária e permite a entrada de luz solar. Desta forma, as luzes não serão ligadas à noite, ou em alguma atividade específica. Uma excelente solução ecológica!

2. O uso de lâmpadas LED também impactará bastante na diminuição do consumo de energia elétrica das residências. Essa mudança pode ser feita de forma muito simples: basta substituir as lâmpadas existentes, não sendo necessário trocar a luminária. Atualmente já existem lâmpadas LED em variadas temperaturas de cor, indicadas para vários usos e ambientes diferentes.

3. Usar plantas na decoração dos ambientes, sejam elas em vasos no chão ou na parede, ajudarão a criar um microclima bem confortável para o ambiente. Cultivar plantas na varanda ajudará a filtrar parte do calor que entraria para a sala, tornando o espaço mais confortável e exigindo menos uso dos aparelhos de ar-condicionado.

Para saber mais sobre Arquitetura Ecológica e o escritório Arquitetura do Barreto, acesse o site arquiteturadobarreto.com ou a página do Instagram @arquiteturadobarreto.

Em edição especial e com novo formato, desafio gratuito de arquitetura tem o objetivo de incluir cada vez mais os participantes no universo da arquitetura.

Em sua segunda edição, o arquiteto Márcio Barreto promove nessa quinta, dia 21 de janeiro a partir das 19h, via Instagram, a primeira ColabLive do desafio online “Projete Com o Barreto”.

O participante vencedor apresentará no dia 28 de janeiro, em uma live no Instagram @arquiteturadobarreto o projeto do cômodo escolhido.

A primeira versão do desafio contou com uma série de lives e quatro participantes que concorreram a uma consultoria gratuita do arquiteto. Desta vez, em uma edição especial, será selecionado um(a) participante e um cômodo para ser transformado com o auxílio técnico-profissional do arquiteto.

Para encerrar a edição, Márcio Barreto vai presentear o participante com melhorias no projeto apresentado.

Sobre o “Projete com o Barreto”

Torneio de arquitetura, idealizado pelo escritório Arquitetura do Barreto e supervisionado pelo arquiteto Márcio Barreto, onde para participar é necessário que o candidato envie um direct no Instagram (@arquiteturadobarreto) com fotos do cômodo que deseja reformar e o que está́ pensando atualmente em fazer. A ideia do desafio online é introduzir os participantes no universo da arquitetura, criando painéis de referências e desenvolvendo maquetes eletrônicas na plataforma Sketchup Web.

Para saber mais sobre o desafio “Projete com o Barreto”, acesse a página do Instagram @arquiteturadobarreto.

A pandemia do novo coronavírus modificou a realidade de aproximadamente 106 mil arquitetos e urbanistas ativos no país, segundo registro do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR).

Com a digitalização dos serviços, os profissionais da área tiveram que readaptar o atendimento por videoconferências, conhecer cômodos por fotografias, solicitar medidas das áreas e enviar plantas tridimensionais (projetos 3D) para os clientes.

Esse é o caso do arquiteto baiano Márcio Barreto, que atua há 6 anos com arquitetura acessível e design de interiores. A frente da “Arquitetura do Barreto”, o profissional teve que se adaptar ao home office com a chegada da pandemia, deixando as atividades presenciais do escritório — localizado no Caminho das Árvores, em frente ao Salvador Shopping — paralisadas por tempo indeterminado.

Acreditando que a procura por serviços de arquitetura diminuiria consideravelmente na pandemia, Márcio conta que se surpreendeu com o aumento de demanda por consultorias e projetos online durante a crise. Repaginando espaços através de intervenções nos cômodos e desenvolvendo plantas digitais completas — dando início às obras assim que flexibilizar as medidas do isolamento social —, o arquiteto conta que o modelo online tem facilitado o encontro com os clientes.

“Inicialmente imaginei que a demanda por novos projetos fosse ser quase zero, mas confesso que me surpreendi bastante. Com o distanciamento social, as pessoas voltaram suas atenções aos lares, pensando em algumas modificações, básicas ou complexas, para se sentirem mais confortáveis dentro de casa”, relata.

Oferecendo serviços de arquitetura na pandemia, com reuniões e entregas 100% online, Márcio formatou uma consultoria personalizada, dando tempo para o cliente analisar as soluções propostas. Através de três videoconferências via aplicativo ‘Zoom’, o arquiteto avalia as medidas do espaço, conversa sobre possibilidades dentro dos cômodos, apresenta imagens em 3D do projeto e faz as alterações solicitadas na planta digital.

Com a possibilidade de reconhecer o lar reformado nas telas dos computadores, tablets e/ou smartphones, o profissional explica que a procura se mantêm elevada pela praticidade do modelo digital, que atende a disponibilidade dos clientes e adianta as fases iniciais (planejamento) do projeto, deixando o contato presencial apenas para o começo das reformas.

Mesmo estando entre os mais de 13 mil profissionais da área que atuam no Nordeste, segundo registro do CAU/BR, Márcio explica que as consultorias online têm ultrapassado as fronteiras das regiões, permitindo o atendimento de clientes em outros estados e cidades.

“Tenho gostado muito da experiência digital e acredito que esse será o caminho, mesmo após a pandemia. Alguns clientes tinham dificuldade de agendar as reuniões de apresentação do projeto e agora posso apresentar a eles de maneira virtual. Minha intenção e vontade será fazer o máximo que puder online, pois vejo um cenário vantajoso, prático e acessível para ambos”, relata.

Para conhecer mais sobre consultorias e projetos online, acesse o site arquiteturadobarreto.com, ou a página do Instagram @arquiteturadobarreto.

Repagine o banheiro, sala, cozinha e demais áreas comuns da casa com a originalidade do arquiteto Márcio Barreto._

Criatividade, funcionalidade e regionalidade. Esse é o lema decorativo que caiu no gosto dos lares brasileiros. Figuras religiosas na sala, cestas de frutas artificiais na cozinha e plantas suculentas em companhia da ‘namoradeira’ nas varandas são figurinhas carimbadas ao adentrar os cômodos das casas em todo o país.

Para repaginar o lar, decorações do varejo e atacado local unem itens diversos — pratos cerâmicos, quadros, jogo de cozinha, jarros, tecidos, crochês, tapetes, colar de contas —com preços acessíveis. Entretanto, com o distanciamento social causado pela pandemia do novo coronavírus (COVID-19), explorar a criatividade com os artigos decorativos já adquiridos tem sido a solução para quem quer diferenciar na arrumação após meses sem sair de casa.

Márcio Barreto

Auxiliando a repaginar cinco cômodos da casa (banheiro, sala, cozinha, quarto e home office), o arquiteto Márcio Barreto leva inovação e originalidade para o lar; tudo isso sem precisar salgar o orçamento no final do mês. Confira abaixo:

SALA

“Ouse na composição de almofadas. Se tem medo de errar, combine as que tenham o mesmo tom. Pode brincar com estampas, formas e tecidos diferentes, entretanto, se concentre nas variações da cor. Isso irá direcionar um novo olhar para o cômodo”, orienta.

COZINHA

“Deixe exposto um jogo de panelas, travessas e jarros bonitos. Pode ser em um nicho, ou se o armário não for até o teto, vale colocar descentralizado em uma das pontas. Usar panelas e jarros em alturas diferentes criará uma ótima composição”

QUARTO

“Usar um suporte em cinto é uma ótima forma de dar personalidade a uma simples prateleira! Pode ser usada também sobre a TV, para organizar os eletrônicos ou ao lado da cama como mesa de cabeceira”

BANHEIRO

“Levar a cor verde para o banheiro é uma ótima forma de trazer vida para o ambiente. Um ou dois vasinhos com plantas dentro da água ficarão ótimos, e o cuidado será mínimo”

HOME OFFICE

“Com os escritórios dentro de casa, é muito importante não se perder nas tarefas diárias. Portanto, prender uma prancheta personalizada a gosto na parede e utilizá-la para fixar anotações é uma ótima forma de deixar visível as atividades que precisam ser realizadas naquele dia, além de levar beleza ao office”, conclui.

Para mais dicas sobre decoração, acesse o site arquiteturadobarreto.com, ou a página do Instagram @arquiteturadobarreto.

Foto Márcio por Lorena Venturini


SA Agência Digital