segunda-feira, 24 junho 2024
Racletto
Tags Posts tagged with "Mahal Pita"

Mahal Pita

Cartaxo

Uma composição de Russo PassaPusso, Roberto Barreto, SekoBass e Filipe Cartaxo, o single inédito Invisível do BaianaSystem foi apresentado no último dia 01 de fevereiro no clip dirigido por Jonga Oliveira e Cartaxo, tendo no elenco o cantor BNegão, amigo de longas datas do grupo.

“Criamos um mundo particular para nos proteger do visível“, assim é feita a descrição do vídeo no canal do youtube do BS, que já ultrapassa 50 mil visualizações em menos de 10 dias de sua publicação na rede.

Não é apenas um novo single. É mais um assunto, do que um clipe ou uma música, é um questionamento. É algo que está dentro da gente, como a sensibilidade” comentou ao Site UR, o vocalista do Baiana, o cantor Russo, que continuou: ” A ideia do clipe veio do processo de continuidade que o Baiana já tem nas músicas -as outras músicas chamam outros assuntos, existe continuidade e pontos de vista variados pros temas abordados – assim acontece no álbum Duas Cidades com Jah Jah Parte,  Barra Avenida Parte 2 e outras. Isso é uma escola das nossas grandes influências, o samba reggae e Sound System” completou o Passapusso.

O novo trabalho que surge após quase um ano do lançamento do disco “Duas Cidade”, traz a tona uma provocação para ser ouvida, vista e sentida em 3’15” de um samba-reggae digital onde a ideia central é falar sobre o ver e o não ver num mundo de infinitas possibilidades.

Invisível foi gravada em Salvador no estúdio Casa das Máquinas e mixada em São Paulo nos estúdios da Red Bull, como um projeto especial junto com a instrumental “Forasteiro”, que contou com a produção do BaianaSystem, do produtor Mahal Pita.

 O videoclipe é uma realização da Máquina de Louco e vem na sequência de “Playsom”: trabalho audiovisual de 2015, produzido e dirigido pelo responsável pela parte visual do grupo, Filipe Cartaxo que também assina o roteiro de Invisível, ao lado de Filipe Bezerra.

 

Em tempos, o Baiana marcará presença no Carnaval de Salvador a começar pelo Pré-Furdunço, dia 19 no Circuito Orlando Tapajós(Ondina- Barra). No Circuito Osmar(Campo Grande), com o Furdunço dia 24 de fevereiro e dia 26 na Praça Castro Alves realizando um pôr-do sol fervente. E para encerrar a segunda(27) de Carnaval, o Baiana será o último da fila de trios, levando a #Pipoca ao delírio no Circuito Dodô(Barra-Ondina).


SA Agência Digital