quarta-feira, 6 julho 2022
Tags Posts tagged with "Lázaro Ramos"

Lázaro Ramos

Medida Provisória, primeiro longa de ficção de Lázaro Ramos, estreia em Salvador e em todo o Brasil nesta quinta-feira, 14 de abril. O filme tem como protagonistas Taís Araújo, Alfred Enoch e Seu Jorge e conta ainda com um grande elenco de 77 atores, entre eles Adriana Esteves, Renata Sorrah, Mariana Xavier, Emicida, Flávio Bauraqui e Paulo Chun.

O enredo se passa num futuro distópico, em que o governo brasileiro decreta uma medida que obriga os cidadãos negros a voltarem para a África como forma de reparar os tempos de escravidão. A partir desse conflito e da história de amor vivida pelos personagens de Taís e Alfred, o filme debate questões sociais e mistura humor, drama e thriller.

O roteiro é baseado no sucesso teatral brasileiro “Namíbia, Não!”, de Aldri Anunciação, que também integra o elenco como ator. Escrito originalmente em 2011, o texto conquistou Lázaro, que o adaptou para o cinema em 2015, sendo ele filmado em 2019 em diversas locações na cidade do Rio de Janeiro.

Para além do elenco, vale destacar a trilha sonora com direção musical de Plínio Profeta, Rincon Sapiência e Kiko de Souza, que pinça para o espectador canções nas vozes de nomes como Elza Soares, Xênia França e Liniker.

Medida Provisória passou por diversos festivais internacionais, sempre com boa recepção da crítica especializada. Ainda em 2020, no Indie Memphis Film Festival, nos Estados Unidos, o filme recebeu o troféu de Melhor Roteiro para Lázaro Ramos e Lusa Silvestre e os corroteristas Aldri Anunciação e Elísio Lopes Jr. No Pan African Film, em Los Angeles, em 2021, recebeu dois prêmios: Melhor Direção e Melhor Ator para Alfred Enoch. No Festival de Huelva, na Espanha, também recebeu os prêmios de Direção e de Melhor Ator para Alfred Enoch. Já no Festin Festival, em Lisboa, Lázaro Ramos recebeu o prêmio de Melhor Realizador.

Na imprensa, a reação não foi diferente: em sua passagem pelo renomado festival americano SXSW (South by Southwest), ganhou críticas calorosas – o Los Angeles Times disse que “o primeiro longa de Lázaro Ramos é uma ficção pungente e assustadora e mostra com firmeza a situação complexa dos afro-latinos”, enquanto o LA Weekly afirmou que é “o longa mais apaixonado, inventivo, inteligente e revigorante do ano”.

Para o diretor, o filme é um alerta sobre coisas que a gente não quer que aconteça. Ele espera sensibilizar as pessoas com entretenimento, já que tem “momentos de humor e momentos de emoção, que vão para além da compreensão racional política”. Sobre qualquer comparação com o cenário mundial, Lázaro diz que “é uma distopia, assim como tantas outras do audiovisual, como ‘The Handmaid’s Tale’ e ‘Black Mirror’. É um texto que veio do teatro, em 2011, pensando um futuro impossível de acontecer. Infelizmente, de lá pra cá, muito se assemelha a pontos da história contemporânea e, aí, a ficção, mais uma vez, se confunde com a realidade”.

Sinopse: Num futuro distópico, o governo brasileiro decreta uma medida provisória que obriga os cidadãos negros a ‘voltarem’ para a África como forma de reparar os tempos de escravidão. O advogado Antônio (Alfred Enoch), sua companheira, a médica Capitú (Taís Araujo), e seu primo, o jornalista André (Seu Jorge) decidem resistir, uns confinados em suas casas, outros no Afrobunker – movimento que vai lutar pelo direito de permanecerem em seu país.

Medida Provisória tem produção de Lereby e Lata Filmes e coprodução Globo Filmes e Melanina Acentuada, distribuição da Elo Company e codistribuição da H2O Films.

Em Salvador, o filme será exibido no Cinemark do Salvador Shopping, no Cinépolis do Salvador Norte, na rede UCI (Shopping Barra, Shopping da Bahia e Shopping Paralela), no Cine Metha Glauber Rocha e no Circuito Saladearte (Paseo, MAM e Cinema do Museu). Feira de Santana, Vitória da Conquista e Ibicaraí são outras cidades baianas a ganharem sessões.

O filme “Medida Provisória”, o primeiro de ficção dirigido por Lázaro Ramos, terá pré-estreia hoje, quarta-feira (30), em duas sessões – às 19h e 21h -, no UCI Orient Shopping da Bahia.

Além do diretor, estarão presentes o roteirista e ator Aldri Anunciação e o ator anglo-brasileiro Alfred Enoch, conhecido pela participação nos filmes da saga Harry Potter e na série “How to Get Away with Murder”.

O longa é baseado no roteiro original da peça “Namíbia, Não!”, de Aldri Anunciação, escrita em 2011. O filme se passa num futuro distópico em que o governo brasileiro decreta uma medida que obriga os cidadãos negros a voltarem à África como forma de reparar os tempos de escravidão, misturando humor, drama e thriller sem deixar de debater questões sociais.

No elenco do filme, nomes como Taís Araujo, Emicida, Seu Jorge, Luís Miranda, Jessica Ellen, Renata Sorrah, Flávio Bauraqui e Adriana Esteves. O lançamento oficial  será em 14 de abril, em todo o Brasil.

 

O Teatro Vila Velha lança campanha de financiamento coletivo em apoio à manutenção de suas atividades. Faltando pouco mais de um mês para encerrar, a campanha tem como primeiro objetivo arrecadar R$150 mil para dar fôlego à administração do espaço e manter as portas abertas. As doações podem ser feitas dentro e fora do país através do endereço www.kickante.com.br/teatrovilavelha.

Primeiro teatro independente da Bahia, e reconhecido como importante centro de formação e criação artística, o Teatro Vila Velha hoje conta apenas com o apoio financeiro do Governo do Estado através do Fundo de Cultura, após vencer o edital de apoio a ações continuadas de entidades culturais. Sem qualquer outra fonte de patrocínio, o valor arrecadado cobre apenas metade dos custos fixos mensais do espaço. Com esta ação, o Vila convoca o público para atuar também como financiador do teatro.”

O Vila foi construído com o apoio da cidade, do público, através de grandes campanhas“, lembra Marcio Meirelles, diretor artístico do Teatro Vila Velha, em referência à fundação do teatro pela Companhia Teatro dos Novos, em 1964. Nos anos 1990, quando foi reconstruído e revitalizado, o Vila Velha também contou com grande esforço coletivo do público e da classe artística, além de investimento do poder público. “Precisamos de políticas públicas que privilegiem o fortalecimento das redes criativas e produtivas das artes e, consequentemente do mercado. Mas o público tem um papel fundamental, pois o teatro é feito para ele“, complementa.

“O Teatro Vila Velha é um lugar de formação, de fruição, e todo o trabalho que desenvolve é para seus públicos. Então nada mais pertinente que ter no público a nossa principal fonte de receita e relacionamento”, comenta Bianca Araújo, coordenadora geral do Teatro Vila Velha.

 
As faixas de valor para contribuição vão de R$30 a R$10.000,00, com recompensas que variam entre ingressos, camisas, cartazes, programas de espetáculos, participação em oficinas, veiculação da marca nas redes do teatro, entre outros. “Esse recurso vai ser usado para custear despesas administrativas do teatro que ficaram comprometidas pela redução da nossa receita, diante da crise que nós e muitas organizações, não apenas culturais, estamos passando”, explica Bianca.

Antes mesmo de seu lançamento, a campanha já ganhou o apoio de artistas como Lázaro Ramos, Wagner Moura, Vladimir Britchta e João Miguel, que gravaram vídeos falando sobre a relação com o Teatro Vila Velha e convidando o público a contribuir. Explorando o slogan “Cole com o Vila, velho!”, os depoimentos serão publicados nas redes sociais do teatro com o objetivo impulsionar a campanha, ao longo dos dois meses de duração.

 

Lázaro Ramos

O ator Lázaro Ramos está na moda, na telinha, no teatro, super cheio de novidades. No mês de setembro, Ramos é a capa da L’Officiel Hommes, em entrevista o ator fala dos novos trabalhos na TV, como a estreia de uma nova série da Globo, “Mr. Brau”, que entra no lugar de “Tapas e Beijos” e em outubro, viverá Martin Luther King no teatro. O ensaio batizado de “I Have a Dream” foi fotografado por Cristiano Madureira, com moda de Paulo Martinez.

Sem título

Lázaro protagonizará ao lado da esposa, a atriz Taís Araújo, Mr. Brau, vivendo na trama, um cantor que teve uma  infância no subúrbio carioca e, atualmente, leva uma vida ao lado da mulher em uma mansão na Barra da Tijuca.

lazaro5
Eu ‘abrasileirei’, para ficar diferente do James e do Carlinhos. E marrom em português é a Alcione” disse Lázaro sobre o nome do personagem
lt_1
Lázaro e Taís em ensaio para Mr. Brau

 

Foto: Reprodução

O baiano Lázaro Ramos está se preparando para uma nova estreia na TV. Desta vez como comentarista do Oscar pela TV Globo, que vai ao ar neste domingo (22). A emissora informou que a exibição será “parcialmente ao vivo”. O lugar foi ocupado após a morte do ator José Wilker, há anos consolidado como analista da premiação. Os jornalistas Maria Beltrão e Arthur Xexéu acompanham o ator na cobertura do evento mais prestigiado de cinema do mundo. Em um inusitado vídeo postado no Youtube, Ramos convoca o público para seu début na avaliação da premiação.


SA Agência Digital