sexta-feira, 30 setembro 2022
Palato Especiarias
Tags Posts tagged with "Ishiruji"

Ishiruji

Quando pisou em Salvador pela primeira vez, foi paixão à primeira vista. Mal imaginava Ishiruji que, ao colocar os pés nas areias da lendária Praia dos Artistas em 2008, pouco mais de um ano depois estaria se mudando para Bahia e que aqui nasceria a inspiração para escrever.

“Foi uma coisa juntando com a outra. Eu estava aqui a trabalho, prestes a me formar, doido pra fugir do frio de Curitiba… entao arrumei um amor e me joguei nessa aventura. A relação terminou, mas a paixão pela cidade não, Salvador é mãe e eu sou filho de coração. Agora, celebro com esse livro que fala sobre um pouco de tudo que vi e vivi por aqui esses anos todos.”, explica o ator de formação, que começou a escrever como hobby e agora lança seu primeiro livro de crônicas.

Formado em Artes Cênicas em Curitiba, Fernando é a mistura de uma alemã com um japonês, que lhe rendeu o sobrenome Ishiruji. “Passei anos tentando encontrar um nome que fosse mais fácil, mas nunca encontrei. Até que decidi usá-lo como nome artístico, pois é basicamente exatamente como está escrito, não tem como errar.”

A paixão pela escrita surgiu por acaso, publicando textos sobre o Carnaval no Facebook. Depois do engajamento dos amigos, se inspirou a escrever sobre outras coisas, até que viu a convocatória de uma editora procurando novos autores e resolveu arriscar.

“Na época, eu mandei apenas umas quarenta páginas, sem corrigir nada, tudo às pressas… nem achei que iria passar. Alguns meses depois, recebi a notícia de que havia sido selecionado pela Editora Taipa para uma publicação completa, e então foi aquela correria para antecipar esse sonho!”, conta Ishiruji, lembrando que em plena pandemia se dedicava ao seu trabalho musical, de própria autoria, prestes também a ser lançado.

A Editora Taipa, fundada por sócios baianos em 2020 em Brasília, aterrissou enfim na capital baiana, interessada em encontrar novos autores pela cidade e Ishiruji, com sua narrativa ousada e potente, logo se transformou numa grande aposta de trazer ao público um jeito bem particular de experienciar Salvador.

O livro “Do Avesso – Cheguei ao fim, me virei, era um começo” reúne, em 183 páginas, 43 crônicas do autor que falam dos costumes do povo baiano, através das andanças do autor pelas ruas de Salvador, carregando sempre seu olhar (às vezes azedo, mas) apaixonado pela Bahia.

Transitando entre a crônica e short stories, o talento de Ishiruji diverte e comove, sem vergonha de oscilar entre o prosaico e o erótico, o baiano e o universal. “ Do Avesso” é puro compromisso com a contemporaneidade, abrindo a guarda, com sua irreverência e coragem, para todo o resto. Não falta ginga. Sobra um perfume gostoso de uma Salvador que, mesmo no meio de uma pandemia, não para de pulsar.

O livro está à venda diretamente com o autor em seu perfil do Instagram: @ishiruji


SA Agência Digital