Alexandre Leão lança single “Só tenho um” com participação de Adelmário Coelho

Alexandre Leão lança single “Só tenho um” com participação de Adelmário Coelho

Foto divulgação

Composta por ele, Edu Alves e pelo poeta Capinan, trio transforma música em poesia que chega nesta terça-feira (18), em todas as plataformas de streaming

O cantor e compositor baiano, Alexandre Leão lança nesta terça-feira (18), a nova música “Só tem um”, com a participação do mestre do forró, Adelmário Coelho. O artista que sempre compõe com José Carlos Capinan. Certo dia de abril, convidou Edu Alves, de Santo Amaro, para visitarem o poeta. Quando chegaram, Capinan com sua gentileza disse: Oh, Edu, meu livro novo, só tenho um, se não lhe dava! Edu e Leão brincaram: isso dá música! E deu.

“Só tenho um”, de Alexandre Leão, Edu Alves e Capinan transformou em xote e poesia: “o coração, só tenho um, se não lhe dava, mas quer saber, se eu fosse você tomava”. Os versos conquistaram os corações de todos e também o de Adelmário Coelho, convidado para o registro ainda neste São João.

Alexandre explica que ficaram todos emocionados com a força poética da canção, “e poder contar com Edu e a poesia viva de Capinan, em sintonia com a voz encantada de Adelmário é um presente para a minha carreira e para quem ouvir esse nosso encontro, tenho certeza” – conclui Leão.

Nos últimos anos Leão vem construindo repertório autoral para as festas juninas. Fazendo shows no São João e desfilando seu talento na interpretação de clássicos da música nordestina.  Compôs com Targino Gondim, “NÃO DÁ MAIS”, gravada por Fagner. Também “SÓ DE CORAÇÃO” com o saudoso poeta e parceiro Manuca Almeida e Julhão, lançada ano passado. E conta que vem aí uma nova interação musical com Fagner, muito em breve.

A canção SÓ TENHO UM foi gravada em maio de 2024, no estúdio Coisa de Agradecer, de Nau Scaldaferri (gravação, mixagem e masterização) e Gigi Cerqueira. Contou no baixo com Israel Ramos, na bateria Will Wagner (Waguinho), na percussão Joceval Santana e Gell Barbosa, na sanfona. Cine-produção e direção de Felipe Leão e Apoena Serrat. Os arranjos, produção musical, violão e voz do próprio Alexandre Leão. A participação especial de Adelmário Coelho. A direção artística é de Andrezão Simões e a arte gráfica da agência Ideia 3.

SÓ TENHO UM

(Alexandre Leão, Edu Alves e Capinan)

O coração, só tenho um

senão, lhe dava

Mas, quer saber, se eu fosse você, tomava

Levava e não devolvia, a chave já lhe foi dada

A minha vida lhe abriu essa porta de entrada

O meu amor, pra qualquer um

não me interessa

Mas, quer saber, se for pra você, tem pressa

Faz tempo que eu já pedia, tentava e não conseguia

mas penso que agora chegou o dia

Chegou o dia de acabar com essa agonia

de não ter você

Que alegria, era tudo que eu queria,

não vou mais entristecer

Pode chegar de mala e cuia, pra ficar

O seu amor eu não troco por nenhum

Eu vou lhe dar meu coração, mas cuide bem

por que só tenho um