Rita Batista – Talento baiano de reconhecimento nacional

Rita Batista – Talento baiano de reconhecimento nacional

Rita Batista por Alex Dantas/Diferente Imagens

Ela tem uma risada inconfundível. E se posiciona sempre com muita firmeza e integridade diante de situações delicadas. A comunicadora Rita Batista já era conhecida nossa quando despontou em rede nacional. Primeiro foi a voz da jornalista propagada nas ondas do rádio. Depois sua imagem surgiu na vinheta de carnaval da Tv Aratu, “Esperando o Carnaval” no verão de 2003 e no ano seguinte já ancorava a transmissão do carnaval e assim fez por 5 anos seguidos na tv do galinho, além de apresentar o Aratu Notícias e um programa feito especialmente para ela – O que a baiana tem. Em seguida, assumiu a revista eletrônica Boa Tarde Bahia na Band. Daí deu um salto para o extinto Muito +, também na Band, em que apresentava o universo das celebridades e dos artistas no programa ao lado de Adriane Galisteu. Depois vieram outros trabalhos até chegar em A Liga. A ordem pode não ser cronológica, mas mostra o quanto Rita cresceu profissionalmente desde que deixou o rádio.

Como se vê, uma profissional versátil, que aceita desafios. Tanto que quando questionada sobre a diferença entre trabalhar com jornalismo investigativo e de celebridade ela é categórica ao afirmar que não importa a plataforma ou o assunto. “O que me motiva é comunicar. Porque tudo contribui para o aperfeiçoar do seu ofício”, diz. Aceita desafio, mas não tolera desaforo, é bom avisar.

Não se espante se em breve você ligar a TV e vê-la comandando um programa novo. Talento lhe abunda, para usar uma palavra picante, bem ao estilo Rita Batista de ser. A jornalista tem uma imagem forte e um estilo único. Quem não se lembra dos turbantes que ela usava no vespertino da Band? As estampas são, também, outra marca de Rita. Com ela não existe essa história de que “negro não pode usar tal cor”. Sobre as oportunidades para negros no restrito mercado da TV ela sabe muito bem que muita coisa já mudou e que não volta atrás. Afinal, é para frente que se anda. Conheça um pouco mais sobre a jornalista na rapidinha que tivemos com ela.

rita batista = aladio marques- priscila santiago -negra jho - suzane massena - suzana massena - ramirez allender - uran rodrigues
Aládio , Ramirez, Suzane, Uran , Jhô, Suzana, Priscila e Rita / Ensaio Diferente Imagens por Alex Dantas

 O que só existe na Bahia? A energia daqui, a atmosfera e as minhas raízes. Não adianta procurar em outro lugar

Lugar de Salvador que é a sua cara: Todo o centro da cidade. Incluindo a vista para a Baía de todos os santos

O que te da prazer? Viver. Há experiência mais prazerosa do que exercitar a existência?

Rita Batista
Rita Batista por Alex Dantas da Diferente Imagens

O que mudaria em Salvador? A infra-estrutura e o descompromisso das pessoas com a cidade. O que é público é de todo mundo. É da nossa conta, cuidar da cidade.

Mais recente desejo? Vixe. Sou geminiana. Desejo tudo, toda hora. São muitos.

Melhor e Pior de Salvador? As pessoas conseguem ser a dor e a delícia dessa cidade.

Como Ssa te inspira? Salvador ainda me emociona. Revira o meu sentimento.

Frase que te traduza: Eu sou Amor e nada pode mudar isso

Como surgiu o interesse pelo jornalismo? Vixe! Na infância! Essa cachaça é antiga!

São poucas as emissoras que tem como ancora dos telejornais/programas,apresentadores negros. Sabe disser o motivo para tal? Temos representantes bem gabaritados para ocupar esses espaços? Faz parte do processo histórico. 400 anos de escravidão, meu filho, mas como a gente anda para frente e não vai retroceder. A coisa está mudando. Eu sou otimista e sou exemplo vivo disso.

Qual a diferença entre fazer um programa de fofoca e um investigativo? Qual te motiva mais? Toda diferença!!! Aliás, não há nenhuma interseção!!! O que me motiva é comunicar. Porque tudo contribui para o aperfeiçoar o seu ofício.

O jornalismo tem exigido cada vez mais profissionais polivalentes, que saibam transitar e manusear todos os meios da noticia. Essa é uma necessidade que deve ser encarada por quem faz televisão, jornal, web. Como funciona isso na realidade? Claro!!! Falamos disso lá em cima. A capacidade de comunicar em qualquer que seja o produto ou circunstância.

Optar por uma paixão ou por sua carreira. Já teve que fazer essa escolha? Não. Sou de agregar!!! Junto tudo!!!

Daqui a cinco anos onde estará? Você tem que perguntar a Deus!!!

O que importa na vida? O amor.

O que sente falta nas pessoas? Amor

O que faz  nas horas vagas? Aproveito!!!

O branco, principalmente na sexta é pratica constante em sua vida. E qual o motivo da aversão a cor preta? Fica tom sobre tom!!! Kkkkkkkkkk.

Drogas– Pode ser remédio ou veneno.

Brasil – Um país interessante, mas para viver aqui tem que ter raça

Moda – Gosto de longe, não sei seguir

Futuro-  A Deus pertence

Fama– É cíclica. Do mesmo jeito que acontece, acaba. Melhor mesmo é ser constante.

Rapidinhas…

Idade 35
Naturalidade – Salvador
Signo Gêmeos
Ascendente Áries
Cor branco
Família nem sempre é formada por parentes
Animal gato
Carnaval todo ano tem
Cantor Gilberto Gil
Cantora Baby Consuelo ( do Brasil)
Musica marcante; Tocando em frente
Livro do momento: Bom dia de Max Lucado
Livro da alma : Um defeito de cor de Ana Maria Gonçalves
Estilo o meu

Comida/ restaurante Robin des Bois em SP / Chez Bernard SSA

Bebida Chandon brut/ vodka pura

Medo de perder pessoas importantes pra min
Certezas do que realmente importa
Cidade Lisboa
Político Ulisses Guimarães
“Não há vento que sopre a favor de quem não sabe para onde ir” – Sêneca